Saiba de onde vem a inspiração para personagem Chico, o vendedor raiz - Economia - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Processo criativo29/05/2019 | 09h13Atualizada em 29/05/2019 | 11h33

Saiba de onde vem a inspiração para personagem Chico, o vendedor raiz

Áudios simulando venda de carros e outros produtos têm viralizado na internet

Saiba de onde vem a inspiração para personagem Chico, o vendedor raiz Marcelo Casagrande/Agencia RBS
Francisco Cechin Junior é o responsável pelos áudios que ganharam a internet Foto: Marcelo Casagrande / Agencia RBS

Embora criador e criatura tenham os mesmos nomes, Chico vendedor é bem diferente de Francisco Cechin Junior metalúrgico, o autor do personagem  que simula a oferta de produtos de segunda mão com preços absurdos. Os áudios de Chico, o vendedor raiz, têm viralizado na internet. Pela familiaridade com que trata de venda de automóveis, pouca gente imagina que, na verdade, o autor nunca trabalhou em uma garagem de seminovos. Há mais de 20 anos, é operador de máquinas em uma indústria. E acertou quem apostou que o sotaque só poderia ser de algum morador da Serra, mais precisamente de Bento Gonçalves.

Leia mais
Conheça "o guri" por trás de personagem que ganhou a internet com ofertas absurdas
Criatividade de autor de personagem Chico, o vendedor raiz, é elogiada

Quem esperava encontrar um senhor de idade, pelos modelos de carros antigos ofertados —e pela linguagem utilizada para informar formas de pagamento, quase em vias de aposentadoria, como as "lâminas" de cheque — se surpreende ao saber que a pessoa que empresta a voz ao personagem tem apenas 36 anos.

Mais do que a voz e o sotaque, é a criatividade do texto que vem conquistando fãs. A inspiração para montar as ofertas veio, inicialmente, da proliferação dos chamados "briques" de internet. 

— Todo mundo tem um discurso de vender peças únicas, personalizadas. Aí incorporei os garagistas das antigas que vendiam neste estilo que falo. E trambiqueiros de primeira linha todo mundo já conheceu. O roteiro de vendas que faço é como já fui abordado várias vezes, desde a compra do meu primeiro carro. "Eu tenho um carro pra ti que tá começando", disse o vendedor. E isso acabou me marcando", relembra do primeiro Kadett, ano 93. 

Agora dirige um Vectra 2011. Mal sabia ele que, ao comprar modelos usados, estava sentido na pele a experiência que se transformaria em sua principal marca. O primeiro produto "vendido" por Francisco na brincadeira com amigos foi um Verona.

— Que eu intitulei como auto-reverse, porque tu olha para ele e não consegue identificar qual é a traseira e qual é a frente do automóvel.

O processo criativo

Antes de começar a receber as encomendas, os alvos das ofertas eram os próprios amigos. Francisco contava que pensava nas  pessoas que consideravam mais inocentes, que cairiam fácil no "papo" desse vendedor. Os primeiros produtos lançados por Chico em 2017 foram um Tempra e um Fusca com ar condicionado.

Na abertura da segunda temporada, como o autor vem chamando a produção em série que chega a ser de até quatro áudios por dia, os destaques foram para as negociações de jogadores da dupla Gre-Nal. Luan, do Grêmio, para o Palmeiras, e William Pottker, do Inter, para o Glória de Vacaria.

Para a entrevista da rádio Gaúcha Serra, que foi ao ar no programa Gaúcha Hoje desta quarta-feira (29), o criador do personagem demonstrava muita timidez antes de iniciar a gravação.

— É a minha primeira entrevista e sou meio "chucro", chegou a me dar tremedeira quando recebi o convite.

Ouça a entrevista

Mas foi só apertar o play para Francisco incorporar o personagem do vendedor e deixar toda a insegurança de lado.

Leia também
Definição de UFRGS em Farroupilha ocorreu à margem da Amesne

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros