Ibravin nega redução de 20% no preço final do vinho após fim de substituição tributária - Economia - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Vitivinicultura15/05/2019 | 07h00Atualizada em 15/05/2019 | 07h00

Ibravin nega redução de 20% no preço final do vinho após fim de substituição tributária

Diferente do informado por representantes na última semana, entidade alega que medida não deve impactar no valor do produto ao consumidor

Ibravin nega redução de 20% no preço final do vinho após fim de substituição tributária Ricardo Wolffenbüttel/Agencia RBS
Foto: Ricardo Wolffenbüttel / Agencia RBS
Pioneiro
Pioneiro

A retirada da substituição tributária na cadeia do vinho está sendo celebrada pela indústria do setor. No entanto, diferente do informado inicialmente, a medida deve surtir pouco ou nenhum efeito ao consumidor.

Na última semana, o superintendente do Grupo Miolo, Adriano Miolo, e o presidente da União Brasileira de Vitivinicultura (Uvibra), Deunir Argenta, declararam ao Pioneiro que o fim da substituição tributária na cadeia do vinho reduziria até 20% o preço final do produto ao consumidor. A projeção, no entanto, é negada pelo presidente do Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin), Oscar Ló.

Leia mais:  
Fim da substituição tributária do vinho deve ocorrer nas próximas semanas 

— Na nossa avaliação, o impacto ao consumidor não existe. Não há redução de tributação, é simplesmente uma alteração da fórmula de cálculo. O benefício está na necessidade menor do capital de giro nas vinícolas, mas a cadeia a tributação continua a mesma — avalia Ló.

Ainda assim, ele reconhece que pode haver alguma redução no preço final ao consumidor, caso a indústria utilize o capital de giro em investimentos. Todavia, a diminuição não seria considerável. 

— Pode ter impacto no produto final, mas seria muito pequeno, e isso se a empresa utilizar o valor (remanescente da alteração) em processos que beneficiem toda a cadeia e possam baratear o produto lá na ponta — comenta.

Leia também
Sindicatos se preparam para negociação salarial de metalúrgicos em Caxias e região
"Na Serra, se o cara errar é um miserável", observa Bruno Tusset, que palestra sábado, em Caxias


 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros