Fiorin Card na Festa da Uva: visitantes, expositores e até funcionários reclamam - Economia - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Caxias do Sul28/02/2019 | 07h30Atualizada em 28/02/2019 | 07h46

Fiorin Card na Festa da Uva: visitantes, expositores e até funcionários reclamam

Cartão é utilizado para pagamento de alimentação, massagem, brinquedos infláveis e estande de tiro dentro do parque

Fiorin Card na Festa da Uva: visitantes, expositores e até funcionários reclamam Marcelo Casagrande/Agencia RBS
Visitante precisa pagar R$ 7 pelo cartão e é reembolsado ao sair da festa Foto: Marcelo Casagrande / Agencia RBS

Visitantes, expositores e até funcionários reclamam do sistema de pagamento via Fiorin Card. Para muitos expositores o sistema é um entrave na venda de produtos maior do que a falta de público.

– Ninguém aprovou. Por que não tiram esta novidade. Vai facilitar a vida de todo mundo – esbraveja uma expositora.

Leia mais:
Cerca de 50 agroindústrias familiares expõem produtos no evento
Vereador quer explicações sobre ingressos, shows e Fiorin Card da Festa da Uva
Pela primeira vez depois da escolha, soberanas da Festa da Uva discursam para o público. Confira o que elas disseram 

A expositora Léia Dias estava apavorada com a falta de negócios e insatisfeita com as mudanças feitas nesta edição.

– O tal do Fiorin não está funcionando, só está confundindo. Não tem excursões vindo para a festa, os corredores estão vazios. As pessoas que conseguem chegar até o pavilhão 1, não sabem mais para que lado ir – reclama.

Outra expositora, Manuela Marcolin Machado, está pensando em mudar o tipo de produto para tentar ampliar as vendas. Com as prateleiras cheias de cosméticos, não vendeu quase nada nos primeiros dias de feira.

– Vamos substituir por confecções. Precisamos, pelo menos, pagar o investimento. 

Até mesmo uma funcionária que aborda os visitantes para adquirirem os cartões reconhece que não está dando certo. 

– Quando informamos que o cartão vai custar R$ 7, eles recusam a compra. Mesmo explicando que vão receber o valor de volta na saída – denuncia uma funcionária do parque que pediu para não ser identificada. 

E acrescenta:

– O método (Fiorin) não está dando certo. A organização tem que reconhecer e mudar enquanto há tempo. 

O cartão

O Fiorin Card é aceito somente para o consumo de alimentação (não inclui as agroindústrias e a Vila dos Distritos), massagem, brinquedos infláveis e estande de tiro (estandes da Vita Zen, Recreare e Sniper). Nos demais espaços, o pagamento deve ser realizado em dinheiro ou cartões (crédito e débito).

Leia também:
Praça Alimentação do Bourbon San Pellegrino será ampliada Que tal um xis inspirado na Festa da Uva? Marcopolo volta ao time das companhias com receita anual  acima de 1 bilhão de dólares

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros