Marcopolo quer levantar até R$ 70 milhões com venda de ações - Economia - Pioneiro

Vers?o mobile

 

Mais recursos para o caixa11/12/2018 | 08h17Atualizada em 11/12/2018 | 08h17

Marcopolo quer levantar até R$ 70 milhões com venda de ações

Aumento de capital foi anunciado ao mercado nesta semana

Marcopolo quer levantar até R$ 70 milhões com venda de ações Diogo Sallaberry/Agencia RBS
Companhia está finalizando construção de nova planta em Ana Rech Foto: Diogo Sallaberry / Agencia RBS

A fabricante gaúcha de ônibus Marcopolo comunicou ao mercado nesta segunda que aprovou aumento do capital com a venda de ações preferenciais, que não mexem no controle da empresa. O objetivo é levantar entre R$ 15 e R$ 70 milhões para fortalecer o caixa e aplicar nos investimentos para a continuidade da modernização que vem sendo feita nas plantas de Ana Rech em Caxias do Sul. Vale destacar que a companhia está finalizando nova fábrica, que substitui a unidade de plástico consumida por incêndio no ano passado.

Leia mais
Um ano após incêndio, Marcopolo investe R$ 50 milhões em nova fábrica
Marcopolo, de Caxias, cresce 83,5% no primeiro semestre 

A Marcopolo anunciou também o pagamento de juros sob capital para os acionistas de mais de R$ 80 milhões. Ou seja, a companhia está distribuindo um valor maior para os acionistas do que vai levantar com a venda das ações a R$ 3,20.

Se estivesse com dificuldades financeiras, não distribuíra a quantia com acionistas, manteria o recurso em caixa, segundo especialistas do ramo financeiro. Os controladores da companhia já sinalizaram que o aumento de capital mínimo, de R$ 15 milhões, já está garantido.

 Leia também
IPVA com desconto máximo pode ser quitado a partir desta terça-feira


 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros