Comércio caxiense surpreende e fecha outubro em alta de 12,8% - Economia - Pioneiro

Versão mobile

 

Conjuntura05/12/2018 | 17h32Atualizada em 05/12/2018 | 18h24

Comércio caxiense surpreende e fecha outubro em alta de 12,8%

Números foram divulgados na tarde desta quarta-feira (5) pela CIC e CDL Caxias

Comércio caxiense surpreende e fecha outubro em alta de 12,8% Felipe Nyland/Agencia RBS
Vendas de Natal devem puxar os negócios em dezembro Foto: Felipe Nyland / Agencia RBS

Parte do bom desempenho de outubro na economia caxiense se deve ao comércio que registrou crescimento de 12, 8% em outubro em relação a setembro. No acumulado do ano, o setor ainda está abaixo da linha, com -1,1, mas no acumulado dos últimos 12 meses, o setor volta respirar fora do poço: alta de 0,2%. E a expectativa é que continue reagindo até dezembro.

Leia mais:  
Setores reagem e puxam economia caxiense para cima 

 O diretor de Economia da CIC, Carlos Zignani, informa que, ao contrário do ano passado, as grandes empresas não estão prevendo férias coletivas no final do ano. Isso, declara, vai garantir que a maior parte dos caxienses não viaje no período e, consequentemente, gaste parte do 13º salário no comércio da cidade.   

As vendas de automóveis, implementos agrícolas e materiais de construção puxaram o setor. No ramo mole, vestuário e brinquedos também fecharam bons negócios e estão no azul. 

Para o assessor de Economia e Estatística da CDL, Mosár Leandro Ness, o desempenho de outubro foi surpreendente, 

— Foi um mês atípico. Mesmo com feriados, o Dia das Crianças e a mudança de expectativas dos governos foram fatores que contribuíram para a retomada da economia do município — observa. 

O estoque de dívidas, no entanto, continua em alta. No acumulado do ano, cresceu 34% e nos últimos 12 meses, 7,87%. O número de caxienses inadimplentes ainda passa de 79 mil. 


 


 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros