Agroindústrias de Caxias poderão vender produtos em todo o país - Economia - Pioneiro

Vers?o mobile

 

Agropecuária09/12/2018 | 13h26Atualizada em 09/12/2018 | 15h10

Agroindústrias de Caxias poderão vender produtos em todo o país

Controle do município conseguiu equivalência ao Sistema Brasileiro de Inspeção de Produtos de Origem Animal

Agroindústrias de Caxias poderão vender produtos em todo o país úlia Grün Heinen/Divulgação
Com medida, possibilidades comerciais aumentam para os produtores caxiense Foto: úlia Grün Heinen / Divulgação
Pioneiro
Pioneiro

A partir de agora as agroindústrias de Caxias do Sul indicadas para auditorias poderão vender os seus produtos para todo território nacional. O Serviço Municipal de Controle de Produtos de Origem Animal (COPAS-POA) alcançou equivalência ao Sistema Brasileiro de Inspeção de Produtos de Origem Animal (SISBI-POA). Os habilitados utilizarão em seus produtos um selo de qualidade em nível federal. Ao aderir ao SISBI, as possibilidades comerciais aumentam, beneficiando os produtores caxienses, rompendo as barreiras que limitam a comercialização das agroindústrias e oportunizando o crescimento dos estabelecimentos.

O COPAS-POA passou por uma auditoria em outubro. Após atender às exigências, os fiscais voltaram e liberaram a adesão. Brunele Weber Chaves, fiscal estadual agropecuário, ressaltou as alterações feitas para adquirir a equivalência. 

- Estivemos aqui em outubro e ficaram alguns pontos pendentes, principalmente em relação à legislação, e logo depois essas solicitações foram atendidas. A partir disso o COPAS-POA atendeu todos requerimentos para ter essa adesão - destacou.

Marília Lima de Campos, diretora do COPAS-POA, apontou as melhorias que acontecerão depois dessa mudança no serviço de fiscalização. 

- Neste mês a auditoria foi bastante documental porque elas vieram para verificar o plano de ação que nos propomos a fazer após a visita de outubro. Agora as agroindústrias indicadas para as auditorias poderão vender os seus produtos para todo território nacional - realçou.

Atualmente, quatro agroindústrias familiares e duas urbanas foram auditadas e podem vender seus produtos em todo o Brasil. Alexandre Fadaneli, 56 anos, é proprietário da Granja Ávicola Fadanelli, localizada em São Marcos da Linha Feijó. Fadaneli está no ramo há 30 anos, onde 33 mil galinhas produzem 4,3 milhões ovos por ano. 

- O nosso negócio vai crescer em 30% com essa equivalência, porque podemos vender para outros municípios e estados, conseguindo repassar todos os ovos que são produzidos. Essa mudança terá impacto não apenas no meu empreendimento, mas em todas as agroindústrias indicadas - salientou.

Para conseguir o selo o produtor precisa estar registrado no COPAS-POA, com autocontroles de procedimentos operacionais padronizados e regulamentado na legislação da secretaria. Mais informações pelo telefone (54) 3290-3800 ou diretamente na Smapa (rua Moreira César, número 1.686, bairro Pio X), das 8h às 11h30 e 13h às 17h.

Leia também:
Após operação padrão por atraso em salários, raio X do aeroporto de Caxias funciona normalmente
Deltasul do antigo Shopping Triches tem data de abertura
Havan define nova data para abertura de loja em Caxias

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros