Industriais gaúchos discutem ICMS com o governador eleito  - Economia - Pioneiro

Versão mobile

 

Caixa-Forte07/11/2018 | 15h27

Industriais gaúchos discutem ICMS com o governador eleito 

A Fiergs alegou que a indústria de transformação carrega uma carga tributária equivalente a 45% do seu PIB 

Em reunião de industriais gaúchos, nesta terça-feira, na Fiergs, em Porto Alegre, o governador eleito do Estado, Eduardo Leite (PSDB), afirmou ser favorável à redução da alíquota básica do ICMS, que passou de 17% para 18% em 2016, e que pelo projeto aprovado na Assembleia Legislativa deve valer somente até o próximo mês. Porém,  ressaltou ser necessário “um tempo para organizar o Estado”.

O presidente da Fiergs, Gilberto Porcello Petry, sugeriu a criação de um grupo de trabalho reunindo representantes da indústria e do governo do Estado para discutir o tema. O empresário salientou que a indústria de transformação carrega uma carga tributária equivalente a 45% do seu PIB e contribui com 32% da Receita Tributária Federal. 

– Somos o acionista majoritário, mas não recebemos os dividendos proporcionais a essa posição econômica, sendo que no Rio Grande do Sul dois fatos prejudicam ainda mais: o piso regional e as alíquotas de ICMS – criticou Petry. 

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros