Impacto econômico da Festuris Gramado foi de R$ 20 milhões - Economia - Pioneiro

Versão mobile

 

Sucesso13/11/2018 | 07h00Atualizada em 13/11/2018 | 07h00

Impacto econômico da Festuris Gramado foi de R$ 20 milhões

Quinze mil turistas "invadiram" os hotéis de Gramado e Canela durante os quatro dias de evento

Impacto econômico da Festuris Gramado foi de R$ 20 milhões Ingrid Fochezatto / Divulgação/Divulgação
Foto: Ingrid Fochezatto / Divulgação / Divulgação
Pioneiro

A Feira Internacional de Turismo (Festuris Gramado) encerrou-se no domingo com números importantes e já tem data marcada para o próxima edição: de 7 a 10 de novembro de 2019. A geração de negócios, a partir de contatos realizados no evento, alcançou os R$ 300 milhões. O impacto econômico para a Região das Hortênsias foi de R$ 20 milhões. 

Quinze mil turistas "invadiram" os hotéis de Gramado e Canela durante os quatro dias de evento. Os dados foram levantados e corroborados pela Universidade de Caxias do Sul (UCS), com a coordenação do professor Maguil Marsilio. 

Durante a programação, foram realizadas 250 palestras e workshops. Participaram cerca de 450 jornalistas e influenciadores digitais do Brasil, Argentina, Chile, Paraguai, Uruguai, Peru, Espanha, Portugal e Estados Unidos. A Secretaria Municipal do Turismo (Semtur) de Caxias marcou presença na feira. A ação se deu em parceria com a Festa Nacional da Uva 2019 em um estande temático conjunto que convidou os visitantes a vivenciar a cultura italiana.

Árvore da Integração

A sustentabilidade foi um dos pilares do Festuris. Gisele Abrahao, fundadora da Global Vision Access, Marketing e Comunicação em Turismo,  recebeu a homenagem da Árvore da Integração. A ação envolve o plantio de uma araucária, árvore símbolo da região, nos jardins do Serra Park e é realizada em todas as edições do Festuris. 

O projeto busca valorizar as iniciativas de sustentabilidade que contribuem para o desenvolvimento do turismo. Gisele trabalha na indústria do turismo desde 2002. Ela viajou para mais de 55 países, avaliando continuamente as oportunidades de negócios sustentáveis de turismo de cada nação.

NÚMEROS

- R$ 300 milhões em geração de negócios.
- R$ 20 milhões  foi o impacto econômico para a Região das Hortênsias.
- 15 mil participantes entre profissionais de turismo, estudantes e imprensa.
- 65 destinos internacionais.
- O número de expositores cresceu 5% em relação à edição de 2017.
- A feira ocupou uma área de 24 mil metros quadrados.
- 250 palestras e workshops.
- Mais de 450 jornalistas e influenciadores digitais de vários países.

Leia também
Andreazza tem data para estrear o supermercado de Arroio do Sal
Primeira franquia da Spaccio RAR é inaugurada no Estado
Mais de 30 mil eleitores de Caxias têm títulos cancelados

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros