"É um caminho sem volta", diz presidente do Sindilojas sobre vendas virtuais - Economia - Pioneiro

Versão mobile

 

Comércio22/11/2018 | 08h01Atualizada em 22/11/2018 | 08h01

"É um caminho sem volta", diz presidente do Sindilojas sobre vendas virtuais

Site que idealizou o Black Friday estima que os caxienses vão gastar R$ 9 milhões em compras pelos sites nesta sexta-feira negra

"É um caminho sem volta", diz presidente do Sindilojas sobre vendas virtuais Roni Rigon/Agencia RBS
Idalice Manchini orienta para que as lojas se adaptem à nova realidade Foto: Roni Rigon / Agencia RBS

O portal Busca Descontos, que idealizou o Black Friday (www.blackfriday.com.br) estima que os caxienses devem gastar cerca de R$ 9 milhões em compras virtuais nesta sexta-feira, dia das promoções. Em Caxias do Sul, o e-commerce ainda engatinha e boa parte deste dinheiro não deve ficar no município. 

E a presidente do Sindilojas, Idalice Manchini, avisa:

— Este é um caminho sem volta. As lojas precisam se adaptar a esta realidade.

Leia mais:  
Caxienses vão gastar R$ 9 milhões em compras virtuais

A dirigente estima um crescimento anual de 10% deste setor em Caxias. Também dona de uma rede de lojas, Idalice é precursora do comércio eletrônico do varejo de moda em Caxias do Sul, há quatro anos e meio. Ela aponta um crescimento de 45%no faturamento do e-commerce nos sete primeiros meses de 2018 —  índice bem acima da média do comércio tradicional. Confira a entrevista:

Pioneiro: O Porta Busca Descontos, idealizador do Black Friday, está prevendo que os caxienses vão gastar cerca de R$ 9 milhões em compras virtuais em sites. Como você avalia este mercado em Caxias? Estes números devem se concretizar?

Idalice Manchini: O ticket médio a ser gasto em compras virtuais fica em torno de R$380. Com o mercado online em ascensão e considerando a expressiva venda de eletrodomésticos e eletrônicos, essa perspectiva deverá se concretizar, sim.

Muitas aquisições serão feitas em sites nacionais e internacionais. Com isso, boa parte deste dinheiro deixa de circular em Caxias e vai para outros estados e países. Como você avalia este movimento?

É um cenário inevitável. Por isso devemos adaptar nossos negócios a essa realidade. Vale lembrar que o inverso também acontece, já que consumidores de outras regiões consomem produtos de Caxias. Além disso, é essencial se reinventar com estratégias diferenciadas, vantagens e um atendimento presencial que ofereça vantagens como pronta-entrega, conforto, ambiente agradável para compras e comodidade na hora da compra, aspectos que o e-commerce não tem como proporcionar.

Por que o e-commerce em Caxias do Sul não decola? Seria por causa da alta tributação e com isso a concorrência seria desleal?

Acredito que se trata muito mais de uma mudança de cultura do que a incidência de impostos. O caxiense aprecia o bom atendimento e deseja ver o produto antes de concluir a compra, ainda que pesquise na internet antes de fechar o negócio. Para moda e cosméticos, ainda falta confiança para comprar sem experimentar, mas o crescimento do e-commerce é um caminho sem volta, com crescimento anual acima de 10%. A Pole Modas é precursora do comércio eletrônico do varejo de moda em Caxias do Sul, há quatro anos e meio. Nos sete primeiros meses de 2018,  teve um crescimento no faturamento do e-commerce de 45% sobre o mesmo período do ano passado, índice bem acima da média do comércio tradicional.

As compras antecipadas nesta sexta podem influenciar nas previsões para o Natal?

Acredito que não. Geralmente, as compras de Black Friday são para consumo pessoal e de produtos básicos. É mais uma oportunidade para adquirir itens que não seriam consumidos sem as condições especiais dessa promoção. Exceto em algumas exceções de compras planejadas, o clima natalino de presentear se estabelece mais perto da data.


DICAS PARA EVITAR DOR DE CABEÇA

1. Consulte a lista de sites não recomendáveis do Procon (www.caxias.rs.gov.br/procon).

2. Salve ou imprima tudo que comprove a compra: oferta, pedido, comprovante de pagamento, contrato e anúncios publicitários.

3. Caso a página estiver instável ou se o preço variar durante a compra, salvar as informações e registrar sua reclamação no fornecedor.

4. O fornecedor deve encaminhar a confirmação do pedido.

5. Acompanhar todas as etapas e prazos de entrega do pedido. Qualquer irregularidade deve ser questionada diretamente ao fornecedor.

6. No caso de compras por telefone ou por internet, o consumidor tem até sete dias para cancelar, isento de qualquer cobrança, incluindo frete. O fornecedor deve informar a administradora do cartão para o devido estorno do valor pago.

7. O usuário pode reclamar pelos próprios sites nos quais efetuou as compras. Os fornecedores devem responder e resolver as reclamações no prazo razoável.

Compras presenciais

1. Acompanhe o preço dos produtos antes da Black Friday.

2. Lembre-se de que o preço promocional não afasta direitos: a oferta deve ser cumprida de acordo com a divulgação.

3. As informações sobre preço, frete e prazo de entrega devem estar em destaque.

4. Examinar a compra imediatamente quando da entrega para pronta reclamação, de modo a não perder o prazo.

5. O consumidor deve certificar-se das cláusulas constantes no contrato de compra, como garantia legal do produto. Nos casos em que o fornecedor ofertar a garantia estendida, é importante que o consumidor observe a real necessidade de adquiri-la. Na verdade, "garantia estendida" é um contrato de seguro opcional ao consumidor que, frente à garantia legal, é completamente desnecessário. Independente disso, não pode ser exigida como condição de venda, pois caracterizaria venda casada, proibida por lei.

Fonte: Procon Caxias. 


COMÉRCIO TERÁ HORÁRIO AMPLIADO

Algumas lojas terão horários diferenciados nesta sexta-feira. A sugestão do Sindilojas é para atendimento ampliado até as 20h, mas cada estabelecimento (de rua) pode determinar o seu horário. Confira o funcionamento dos shoppings:

Iguatemi Caxias: 9h às 22h. A loja Magazine Luiza vai abrir às 7h.  

Bourbon San Pellegrino: 10h às 22h

Plaza: 9h às 19h

Prataviera: 9h às 21h 

Martcenter: 10h às 21h

Leia também:  
Primeira parcela da venda da Voges Motores deve ser depositada nesta sexta

 


 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros