Caxias cria 304 postos de trabalho em setembro  - Economia - Pioneiro

Versão mobile

 

Emprego22/10/2018 | 19h26Atualizada em 22/10/2018 | 19h30

Caxias cria 304 postos de trabalho em setembro 

No período, município realizou 4.850 admissões e 4.546 desligamentos, conforme o Caged

Caxias cria 304 postos de trabalho em setembro  Lucas Amorelli/Agencia RBS
Comércio voltou a fechar com saldo positivo, após três meses no vermelho Foto: Lucas Amorelli / Agencia RBS
Pioneiro
Pioneiro

Em 2018, a geração de empregos em Caxias do Sul passa por uma retomada vigorosa. Em todos os meses do ano, o município realizou mais contratações do que demissões, conforme aponta o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho. Os números relativos a setembro, divulgados ontem, mostram que a cidade gerou 304 novas vagas formais. O resultado é a diferença das 4.850 admissões e dos 4.546 desligamentos que ocorreram no período.  

Leia também:
Na Escola Família Agrícola da Serra, cooperativismo virou disciplina da grade curricular
"As lojas precisam reaprender a vender", diz economista que palestra em Caxias nesta terça
Simpósio em Caxias do Sul debate os desafios do varejo 

Como vinha ocorrendo em meses anteriores, a indústria de transformação mais uma vez liderou as contratações em Caxias. Em setembro, o segmento criou 226 vagas. Um dos principais destaques, no entanto, é a recuperação do comércio, que criou 96 posições em setembro. O resultado é um alento, já que os lojistas vinham com saldo negativo desde junho. Também fecharam no azul o setor de serviços (50 vagas criadas), atividade extrativa mineral (1 vaga) e administração pública (1 vaga). 

Por outro lado, a construção civil teve saldo negativo no Caged de setembro, com o encerramento de 65 postos de trabalho. Ainda fecharam no vermelho a agropecuária (-4 vagas) e serviços industriais de utilidade pública (-1 vaga). 

No mês passado, Caxias foi o segundo município gaúcho que mais criou postos de trabalho no Rio Grande do Sul. A cidade serrana ficou atrás de São Leopoldo. A localidade do Vale do Rio dos Sinos gerou 609 vagas, conforme o Caged. 

No RS, líder no ano 

No acumulado de janeiro a setembro, nenhuma outra cidade gaúcha gerou mais postos de trabalho com carteira assinada do que Caxias do Sul. São 6.349 vagas criadas, resultantes de 53.456 admissões e 47.107 demissões. A vantagem para Porto Alegre, a segunda colocada no ranking, é larga. A Capital criou 1.927 postos no decorrer de 2018. 

Resultado de setembro 

Saldo positivo
Indústria de transformação: 226 vagas criadas
Comércio: 96 vagas criadas
Serviços: 50 vagas criadas
Administração pública: 1 vaga criada
Extrativa mineral: 1 vaga criada 

Saldo negativo 

Construção civil: 65 vagas cortadas
Agropecuária: 4 vagas cortadas
Serviços Industriais de Utilidade Pública: 1 vaga cortada

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros