Filtrado doce produzido na Serra cai no gosto dos colombianos - Economia - Pioneiro

Versão mobile

 

Caixa-Forte20/09/2018 | 19h30Atualizada em 20/09/2018 | 19h30

Filtrado doce produzido na Serra cai no gosto dos colombianos

Vinícola Peterlongo fechou a exportação de mais dois contêiners da Espuma de Prata, marca lançada em 1971  

A Vinícola Peterlongo, de Garibaldi, selou mais uma exportação à Colômbia da Espuma de Prata, marca de filtrado doce lançada em 1971.  

Com os dois contêiners em fase de despacho, a vinícola chega a cinco contêiners da mistura gaseificada de vinho e suco vendidos aquele mercado este ano. 

No Brasil, com a qualificação dos espumantes, a preços competitivos, a bebida perdeu prestígio. Porém, caiu no gosto dos chineses. São 1,7 milhão de litros de Espuma de Prata elaborados anualmente.

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros