Lojistas de Caxias do Sul apostam no retorno do frio para zerar estoques de inverno - Economia - Pioneiro

Versão mobile

 

Comércio 23/08/2018 | 08h00Atualizada em 23/08/2018 | 10h23

Lojistas de Caxias do Sul apostam no retorno do frio para zerar estoques de inverno

Lojas tentam atrair clientes com preços rebaixados para zerar os estoques

Lojistas de Caxias do Sul apostam no retorno do frio para zerar estoques de inverno Marcelo Casagrande/Agencia RBS
Erica Generoso já vendeu 2 mil peças neste inverno com descontos de 50%. Promoções começaram ainda em junho. Foto: Marcelo Casagrande / Agencia RBS

O frio na Serra voltou com intensidade esta semana. Com ele, os casacos pesados também voltaram a ficar em evidência nas vitrines de Caxias. E com preços ainda mais rebaixados. As promoções começaram mais cedo este ano. Em junho, já era possível adquirir peças  com descontos atrativos. As liquidações de agosto, no entanto,  pretendem zerar os estoques de inverno.

Leia mais
"Comércio caxiense não consegue reagir", diz representante da CDL

É o caso da empresária Erica Generoso. Em suas lojas, os casacos de inverno estão com preços pela metade.

— Não posso começar uma nova coleção com os estoques lotados. Então a proposta é vender tudo  — justifica.

Deu certo. A redução atraiu a atenção dos clientes e as araras estão quase vazias. Já vendeu mais de 2 mil peças.

Para o assessor de economia e estatística da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Mosár Leandro Ness, este frio "fora de época" é bem-vindo e deve ser aproveitado pelos lojistas.

— Esperamos que reaqueça  as vendas —prevê.

Reflexos da crise

A crise na indústria e a ausência de dias gelados nos últimos invernos reduziu a produção nas fábricas de Caxias.  O desempenho do comércio caxiense em junho caiu mais de 7% em relação a maio. Se comparado com junho de 2017, o recuo chegou a 18%. Julho deve ter uma leve alta – os resultados ainda não foram divulgados. Com a queda no poder aquisitivo e reflexos do desemprego, os consumidores buscam opções mais em conta.

— A insegurança no mercado faz com que os clientes se retraiam. Só compram se for realmente necessário — destaca Mosár.

Os preços atrativos podem ser um chamariz para investir em uma roupa que pode ser usada por muitas estações.

— Hoje, todos querem comprar na promoção — diz a empresária Erica.

A empresa de Érica já chegou a produzir 100 peças por dia, 20 mil casacos de lã por temporada. Atualmente, fabrica cerca de 30 por dia. Nos últimos três anos, a fabricação de peças pesadas foi reduzida pela metade.

COMO APROVEITAR AS PROMOÇÕES

* Quem está aguardando há algum tempo para comprar uma peça de inverno, esta é o ocasião para fechar negócio, aproveitando o desconto.

* Invista em peças que não são tendências do ano, pois nem sempre será destaque no próximo inverno. Opte por cores neutras. O preto básico e tons em color block (blocos de cor) são apostas que nunca saem de moda. 

* Antes de sair de casa para garimpar ofertas, anote em um bloquinho quais produtos está procurando, para não cair na compra por impulso.

* Compare os preços em lojas com produtos da mesma qualidade. Muitas vezes, a peça mais barata não tem a mesma durabilidade.

* Evite pagar parcelado, acumulando dívidas nos meses seguintes. O ideal é fechar negócio à vista, em dinheiro ou no cartão de débito.

Leia também
"Vendi tudo para pagar a passagem", diz venezuelano que se estabeleceu em Caxias do Sul
Retirada de medicamentos na UPA de Caxias passará a funcionar 24 horas a partir de setembro






 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros