Preço do gás de cozinha subirá nas refinarias a partir desta quinta - Economia - Pioneiro

Versão mobile

 

Teu bolso04/07/2018 | 17h33Atualizada em 05/07/2018 | 14h02

Preço do gás de cozinha subirá nas refinarias a partir desta quinta

Petrobras comunicou que valor será reajustado entre 4,2% a 4,6% nas refinarias de todo o país

Preço do gás de cozinha subirá nas refinarias a partir desta quinta Porthus Junior/Agencia RBS
Reajuste deverá ser repassado para o preço final pago pelo consumidor Foto: Porthus Junior / Agencia RBS
Pioneiro
Pioneiro

O preço do gás de cozinha voltará a subir em todo o país. O Sindicato Nacional das Empresas Distribuidoras de Gás Liquefeito de Petróleo (Sindigás) emitiu nota, na tarde de hoje, comunicando que a Petrobras definiu um novo reajuste de preço do Gás Liquefeito de Petróleo (GLP) residencial, conhecido como o botijão de 13 quilos. A medida também afetará o GLP empresarial, de embalagens acima de 13 quilos.

Segundo a Petrobras, o aumento do preço nas refinarias oscilará entre 4,2% a 4,6%,  dependendo do polo de suprimento, e começa a valer após a 0h desta quinta-feira, 5 de julho. Com isso, o preço pago pelo consumidor final também deverá subir em seguida. 

O novo preço do gás de cozinha, sem tributos, passará de R$ 22,13 a R$ 23,10 na refinaria. O insumo começou a ter reajuste trimestral em janeiro deste ano, "para suavizar os repasses da volatilidade dos preços ocorridos no mercado internacional para o preço doméstico", disse a Petrobras na época. 

Em nota no seu site, a empresa apontou como motivos o ajuste à alta da cotação internacional do GLP, que subiu 22,9% entre março e junho, período em que a desvalorização do real frente ao dólar foi de 16%. 

Leia também:
Duas gigantes de Caxias do Sul firmam parceria tecnológica
Empresa caxiense firma parceria para atuar no Peru
Gasolina volta a subir em Caxias do Sul

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros