Pizzaria napolitana expande atuação na Serra - Economia - Pioneiro

Versão mobile

 

Negócios17/07/2018 | 18h30Atualizada em 17/07/2018 | 19h39

Pizzaria napolitana expande atuação na Serra

Ciao inaugurou unidade em Gramado e está de olho em mais cidades da região

Pizzaria napolitana expande atuação na Serra Gabriel Rossi/Especial
Nova unidade fica na Rua Borges de Medeiros Foto: Gabriel Rossi / Especial

A quarta unidade própria da Ciao Pizzeria Napoletana abriu as portas no último domingo em Gramado, na Serra. É a primeira pizzaria da marca no interior do Rio Grande do Sul.

Com a proposta de pizzas individuais com farinha importada da cidade italiana e atendimento no balcão, a Ciao da região das Hortênsias ocupa um espaço na galeria da Rua Borges de Medeiros, quase em frente à Rua Coberta, atendendo das 11h30min até 22h ou 23h, dependendo do movimento.

De acordo com João Miragem, sócio-proprietário da Ciao, a escolha por Gramado surgiu da oportunidade do ponto e de uma vontade antiga dos sócios.

— A gente sempre quis (ter uma unidade) em Gramado e agora está olhando para o Rio Grande do Sul como um todo e outras cidades da Serra — antecipa Miragem.

Com a pizzaria nas Hortênsias, a Ciao já conta com quatro operações próprias. O primeiro ponto abriu em 2016 em uma pequena galeria na Anita Garibaldi, em Porto Alegre. Depois foram inauguradas as unidades no Bom Fim e na Casa Destemperados, no Moinhos de Vento, também na Capital.

O próximo passo será a inauguração de franquias. O sócio não divulga ainda o local, mas adianta que a primeira pizzaria nestes moldes deve ser aberta em agosto — e não será na Serra. 

ciao , ciao pizzeria napoletana , pizza , gramado, serra, guia da serra, guia
Quarta unidade da Ciao foi inaugurada no fim de semanaFoto: Gabriel Rossi / Especial

Embora ele adiante que a marca já tem um ponto em Caxias do Sul, depende ainda de franqueados. Segundo o proprietário, há conversas também para operações em Bento Gonçalves e Garibaldi. Os donos também foram procurados por investidores de Farroupilha.

Quando perguntado sobre como é a expansão de uma pizzaria da Capital na terra de colonização italiana, Miragem se diz à vontade.

— Se tem pizzaria que respeita tradição é a Ciao e, por isso, a gente se sente confortável em atender esse público — destaca.

Para ser considerada uma pizza napolitana, a Ciao utiliza farinha importada de Nápoles, com azeite e tomates da mesma região italiana e trabalha com mussarela de búfala fresca. O forno também é feito seguindo os mesmos critérios utilizados por lá. 

As operações da Ciao até o momento consomem em média, por mês, 3,4 mil quilos de farinha italiana, 1,6 mil quilo de tomate san marzano e 140 litros de azeite extra virgem italiano.

Leia também:
Pré-candidato do PSDB à Presidência, Alckmin estará em Caxias na próxima semana
Três anos após a morte de criança em Caxias, família manda mensagem de paz

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros