Sindicato dos Distribuidores pede apoio policial para entregar combustível - Economia - Pioneiro

Versão mobile

 

Greve dos caminhoneiros26/05/2018 | 13h05Atualizada em 26/05/2018 | 13h05

Sindicato dos Distribuidores pede apoio policial para entregar combustível

Segundo presidente do Sindisul, quase a totalidade dos postos do RS está sem estoque

Sindicato dos Distribuidores pede apoio policial para entregar combustível Porthus Junior/Agencia RBS
Foto: Porthus Junior / Agencia RBS
Pioneiro
Pioneiro

O Sindicato das Distribuidoras de Combustíveis do Rio Grande do Sul (Sindisul) entregou ofício neste sábado (26) solicitando apoio da Polícia Rodoviária Federal e da Brigada Militar para fazer a entrega de combustível, como atitude de emergência.

— Nós temos produtos nas bases e estamos prontos para atender os postos, mas precisamos de segurança e apoio das autoridades para esse movimento até pontos e regiões estratégicas do Estado — diz Roberto Tonietto, presidente do Sindisul. 

Leia mais:
Se greve terminasse hoje, abastecimento de combustíveis demoraria até quatro dias para voltar ao normal em Caxias
"Cada aumento quem mais sente é o povo brasileiro", diz UAB em nota sobre a greve

A iniciativa seria uma medida paliativa até o final da greve dos caminhoneiros, visando garantir o abastecimento para situações emergenciais, como hospitais, medicamentos, segurança pública e a circulação básica da população. 

— Estamos no aguardo (de um retorno das forças de segurança) e prontos para iniciar a distribuição — acrescenta.

Segundo Tonietto, quase a totalidade dos postos de combustíveis do Estado estão sem estoque.

Leia também:
Santuário de Caravaggio, em Farroupilha, já recebeu mais de 60 mil fiéis neste sábado

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros