Empresas de Caxias anunciam suspensão de atividades em razão de paralisações - Economia - Pioneiro

Versão mobile

 

Greve23/05/2018 | 18h03Atualizada em 24/05/2018 | 18h19

Empresas de Caxias anunciam suspensão de atividades em razão de paralisações

Unidade 2 da Agrale decidiu interromper os serviços nesta quinta e sexta-feira devido à falta de abastecimento

Empresas de Caxias anunciam suspensão de atividades em razão de paralisações Agrale/Divulgação
Foto: Agrale / Divulgação
Pioneiro
Pioneiro

As manifestações dos caminhoneiros já está afetando a produção de empresas de Caxias do Sul. A unidade 2 da Agrale vai paralisar o trabalho nesta quinta e sexta-feira por falta de matéria-prima. O comunicado foi feito via assessoria de imprensa.

Leia mais
Região tem dez pontos com protestos de caminhoneiros 

A unidade 2 trabalha com a montagem de caminhões leves e médios, chassis para micro e midibus e dos utilitários Agrale Marruá 4x4. 

A eletroeletrônica Imatron também está com parte da produção comprometida. O diretor Reomar Slaviero diz que a matéria-prima não está chegando e o estoque está acabando. Além disso, as entregas de produtos para outros municípios e estados também estão sendo comprometidas.

— Está afetando diretamente no faturamento — reclama. 

Leia também
Atacadistas não recebem produtos desde segunda-feira na Ceasa Serra
Com mudança na lei, motoristas poderiam se regularizar diretamente na prefeitura de Caxias
Mais de 30 mil peças já foram distribuídas na Campanha do Agasalho de Caxias do Sul

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros