"Raul Randon construía homens", lembra  Emílio Finger - Economia - Pioneiro

Versão mobile

 

Luto04/03/2018 | 00h28Atualizada em 04/03/2018 | 00h35

"Raul Randon construía homens", lembra  Emílio Finger

Para o empresário, tudo o que seu Raul tocava, se transformava 

"Raul Randon construía homens", lembra  Emílio Finger  Julio Soares/Divulgação
Emílio Finger diz que Caxias do Sul tem que agradecer por tudo o que seu Raul fez Foto: Julio Soares / Divulgação
Pioneiro
Pioneiro


O diretor da Master Franquia Caxias do Sul, empresa do Grupo Randon SA, Emílio Finger, define seu Raul como uma pessoa de caráter inigualável. 

— Além de sua simplicidade, era um líder que comandava uma empresa como ninguém. Tudo o que ele tocava, se transformava. 

Leia mais:
Morre Raul Randon, fundador das Empresas Randon
Velório de Raul Randon acontecerá no Memorial São José, em Caxias
Legado Randon é um dos motores da economia

Mas o mais importante, segundo Finger, era a forma como ele conseguia transformar as pessoas.

— Ele reconhecia que tudo o que construiu foi através das pessoas.  Ele realizava seus sonhos por meio das pessoas que o cercavam.

Há 22 anos no Grupo, Finger reconhece que a cidade dificilmente terá outro visonário como seu Raul. 

— Caxias do Sul tem que agradecer por tudo o que ele fez e deixou. Vai fazer muita falta. 





 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros