Construtoras da Região das Hortênsias apostam em condomínios fechados - Economia - Pioneiro

Versão mobile

 

Caixa-Forte04/03/2018 | 07h50Atualizada em 04/03/2018 | 07h50

Construtoras da Região das Hortênsias apostam em condomínios fechados

O projeto Quinta do Palácio está mudando o perfil residencial nos arredores do Palácio das Hortênsias, em Canela

Construtoras da Região das Hortênsias apostam em condomínios fechados Pedro Brönstrup Filho/divulgação
Casas a partir de R$ 431 mil miram público que querem investir em moradia de descanso na montanha Foto: Pedro Brönstrup Filho / divulgação

Além de casa na praia, muitos clientes têm investido em moradia na montanha. 

Mirando esse público,  a Construtora Brönstrup entregou recentemente a primeira fase, de 12 unidades, do condomínio fechado Quinta do Palácio, que está mudando o perfil residencial nos arredores do Palácio das Hortênsias, em Canela. 

O projeto, com Valor Geral de Vendas (VGV) de R$ 30 milhões, compreende 66 casas de dois e três dormitórios. 

Chega com a tecnologia de construção a seco Light Steel Frame, sistema com aço galvanizado já utilizado no Exterior. Destaca-se pelo conforto térmico e isolamento acústico. Preço das casas: a partir de R$ 431 mil.

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros