Bento Gonçalves sedia Feira Internacional do Vinho - Economia - Pioneiro

Versão mobile

 

Negócios16/02/2018 | 19h32Atualizada em 16/02/2018 | 19h33

Bento Gonçalves sedia Feira Internacional do Vinho

Grupo italiano realiza primeira edição da Wine South America em setembro, apostando na valorização dos produtos brasileiros

Bento Gonçalves sedia Feira Internacional do Vinho /
Pioneiro
Pioneiro

O município da Serra que mais atrai feiras de negócios, anuncia uma nova atração para o segundo semestre deste ano. É a primeira edição da Wine South America _ Feira Internacional do Vinho _ que será realizada de 26 a 29 de setembro de 2018, em Bento Gonçalves, com expectativa de atrair 10 mil visitantes e reunir 250 expositores, entre empresas produtoras nacionais e internacionais de vinho, fabricantes de máquinas e equipamentos, prestadoras de serviços e fabricantes de acessórios para o segmento. A feira abre espaço, também, para os produtores de café, de cachaças e destilados, e olivicultores .

Leia mais:
Feiras anunciam retomada da economia na Serra

Idealizado para promover o consumo e a comercialização dos produtos e serviços da indústria vitivinícola brasileira e latino-americana, o encontro tem foco específico no fomento aos negócios. Isso significa aproximar o vinho nacional dos principais players mundiais do segmento.

— A feira nasce da necessidade da indústria brasileira de mostrar sua variedade de vinhos e lançamentos, bem como do desejo de expandir seus negócios para novos mercados consumidores, ou seja, consolidar a presença do Brasil no mapa mundial do vinho _ além de valorizar os produtores da América do Sul, com as presenças da Argentina, Chile e Uruguai — destaca Alberto Piz, diretor da Milanez & Milaneze, empresa promotora da feira e subsidiária da italiana Veronafiere.

Três pilares

O desafio está sedimentado em três pilares. O primeiro é a força setorial das entidades nacionais representativas da cadeia do vinho _ o Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin) já confirmou sua condição de apoiador da feira e novos aliados em breve devem se juntar à iniciativa. O segundo é a expertise da Veronafiere, empresa italiana especializada em eventos de negócio, e da Milanez & Milaneze para impulsionar o rápido crescimento do evento e garantir sua internacionalização. E o terceiro elementoé a escolha do palco para sediar a feira: a Serra Gaúcha, principal polo vitivinícola do Brasil, berço de produtos de extrema qualidade, com grande potencial para geração de negócios em todo o mundo.

Outro destaque dessa primeira edição serão as rodadas de negócios e o Projeto Imagem. O primeiro prevê a participação de compradores internacionais; já o segundo a vinda de jornalistas estrangeiros _ ações combinadas abrindo mercado para negócios com países como Argentina, Chile, Uruguai, África do Sul, França, Itália, China, Portugal, Alemanha, Estados Unidos, Áustria, Suíça, Espanha, Austrália, Dinamarca e Grécia, dentre outros.

Leia também:  
Filhotes de tucano são encontrados em caixa de papelão no bairro Santa Corona, em Caxias


 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros