Marca de chocolate de Gramado instala loja na China - Economia - Pioneiro

Caixa-Forte26/11/2017 | 10h00Atualizada em 26/11/2017 | 10h00

Marca de chocolate de Gramado instala loja na China

Já há interesse de empresários chineses em fixar uma segunda loja da Lugano em Shenzhen, além de outras três em Xangai

Marca de chocolate de Gramado instala loja na China Guilherme Luz/divulgação
O ponto escolhido foi o China Food City, um shopping de produtos não chineses, com 550 mil metros quadrados, no qual brilham marcas de 70 países Foto: Guilherme Luz / divulgação

Com a projeção de faturar US$ 1 milhão em 2018, a Chocolate Lugano, de Gramado, estreou em um mercado que é sonho de consumo no mundo: a China. A primeira loja da marca de chocolate artesanal das Hortênsias fora do Brasil acaba de ser inaugurada em Shenzhen, cidade chinesa planejada, com 14 milhões de habitantes. 

O ponto escolhido foi o China Food City, um shopping de produtos não chineses, com 550 mil metros quadrados, no qual brilham marcas de 70 países.  Em área de 350 metros quadrados, a filial da Lugano mira distribuidores, e não o consumidor final. Em  contêineres refrigerados, serão enviados 14 tipos de chocolates e licores de chocolate, além de cervejas da Rasen, outra marca do grupo gramadense.

O diretor da Lugano, Guilherme Schwingel Luz, confirma que já há interesse de empresários chineses em instalar uma segunda loja da Lugano em Shenzhen, além de outras três em Xangai.

 

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros