Como será 2018? - Economia - Pioneiro

Versão mobile

 

Caixa-Forte06/11/2017 | 06h13Atualizada em 06/11/2017 | 06h13

Como será 2018?

Executivos estão se preparando para um ano mais promissor

Após viver nos últimos três anos a pior crise de sua história, a Serra Gaúcha prepara-se para o retorno de um novo ciclo de crescimento.

Em entrevistas com empresários feitas pela colunista, é quase consenso que 2017 (especialmente a partir de abril) está sendo melhor do que o ano passado, mas ainda longe do ideal. Os executivos acreditam que esse ainda seja o ano para arrumar a casa, ajustar as equipes, afinar as estratégias, com a expectativa de que 2018 descortine números bem mais promissores.

De forma lenta e gradual, a economia está voltando, a inflação já não perturba e os investimentos saem do papel.  As incertezas políticas deixam o horizonte confuso, mas a economia vem se desvinculando desse ambiente.

As eleições de 2018 clarearão o futuro, mas o empresário percebeu que não pode esperar. Precisa levar adiante seus projetos, desenvolver táticas, se fortalecer para estar preparado para um mercado que pode surpreender.


 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros