Série sobre desemprego em Caxias abre portas para os entrevistados - Economia - Pioneiro

Retrato do desemprego14/07/2017 | 13h27Atualizada em 14/07/2017 | 16h10

Série sobre desemprego em Caxias abre portas para os entrevistados

Histórias relatadas nas reportagens sensibilizam empresários, que tentam dar uma chance de trabalho

Série sobre desemprego em Caxias abre portas para os entrevistados Diogo Sallaberry/Agencia RBS
Após a reportagem, Antônio Marcos Koenig participou de três entrevistas  Foto: Diogo Sallaberry / Agencia RBS
Pioneiro
Pioneiro

O relato do drama do soldador Antônio Marcos Koenig, na primeira reportagem da série sobre desemprego, publicada esta semana pelo Pioneiro, surtiu efeito positivo. Até a tarde de quinta-feira, ele já tinha participado de três entrevistas para disputar uma vaga de trabalho no mercado caxiense. Por telefone, a mãe, Teresinha, estava empolgada.

— Uma delas vai dar certo — acredita.

Pelo celular, Koenig também estava animado ao voltar da última entrevista, ontem à tarde.

— Uma delas vai dar certo. Tomara que seja uma de chão de fábrica. É tudo o que eu quero — declara.

Leia mais
Veja dicas e saiba como se tornar um profissional desejado no mercado
Cerca de 20% dos desempregados são jovens que buscam o primeiro emprego
Quase 30 mil trabalhadores estão em busca de emprego em Caxias



Por enquanto estão avaliando o currículo de Koenig uma metalúrgica, uma empresa de gás e outra do setor do plástico. As respostas devem chegar até segunda-feira. Mesmo por telefone, foi possível perceber a mudança no ânimo e no astral do soldador. Não era a mesma voz sofrida do dia da entrevista para a reportagem: 30 de junho.

— Vou dar o melhor de mim. Muito obrigado. Que Deus te ajude. E me ajude — suplica.

O candidato a estagiário Lucas Magnus Novello também participou de entrevista para uma vaga na sua área: economia. A empresa Controle, que presta serviços de assessoria financeira e gestão de ativos, chamou o jovem para disputar o posto — outros dez candidatos estão na fila de espera.

O diretor da empresa, André Weber, reconheceu que ele tem um perfil interessante e que percebeu nele uma sinergia e vontade muito forte de crescer junto com a empresa.

— Quero investir numa pessoa que queira realmente se engajar no nosso propósito. Ele tem, sim, grande chance de ser contratado — diz Weber. 

Não deixe a crise engolir você


As consultoras de recursos humanos Joselisa Toigo e Carolina Maino deram dicas de como reagir a este cenário dramático do mercado de trabalho. A conversa no Facebook do Pioneiro foi mediada pela jornalista de Economia do Pioneiro Ivanete Marzzaro.

As especialistas destacaram vários pontos para o momento da entrevista. O mais importante é ter foco. Saber o que quer.

— Tem que fazer com que a empresa queira o candidato em seu quadro de funcionários — ressaltou Joselisa Toigo.

Outra dica é redirecionar o currículo, colocando foco na vaga que quer disputar.

— Não dá para atirar para todos os lados. A dica é otimizar o processo — disse Carolina Maino.

Ambas concordaram que o cenário é desesperador e que a solução não vai acontecer num passe de mágica.

— Mas também não dá para desistir de você mesmo. Não deixe a crise engolir você. Só vai encontrar trabalho quem persistir — declarou Joselisa.

A dica de Carolina segue no mesmo caminho.

— É o momento de ser resiliente, de entender quais são os seus valores. Não se desespere — destacou Carolina.

 
 

Siga o Pioneiro no Twitter

  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comParceria com iniciativa privada permitiu estruturação do espaço no HG, em Caxias https://t.co/gdYSQdnaiv #pioneirohá 11 horas Retweet
  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comHomem é encontrado morto, em Caxias do Sul https://t.co/ryVKfYIXlQ #pioneirohá 11 horas Retweet

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros