Setor vitícola pede mudanças na legislação para transporte de uva - Economia - Pioneiro

Caixa-Forte13/06/2017 | 06h13Atualizada em 13/06/2017 | 06h13

Setor vitícola pede mudanças na legislação para transporte de uva

Em reunião com os ministros Blairo Maggi e Osmar Terra, foi discutida a necessidade de ampliação dos modelos de recipientes nas propriedades

Setor vitícola pede mudanças na legislação para transporte de uva Duda Pinto/Ver Descrição
Atualmente, a Portaria do Ministério da Agricultura, de 1978, restringe o uso a caixas de plástico de até 25 quilos Foto: Duda Pinto / Ver Descrição

Antonio Feldmann, ex-vice-prefeito de Caxias do Sul e atual diretor do Ministério do Desenvolvimento Social, articulou, em Brasília, audiência com lideranças para tratar de reivindicações do setor vitivinícola, cadeia produtiva forte na Serra.

Em reunião na última semana com a presença dos ministros Blairo Maggi, da Agricultura, e Osmar Terra, do Desenvolvimento Social e Agrário, foi discutida a necessidade de atualizar a legislação, permitindo assim a ampliação dos modelos de recipientes de transporte da uva nas propriedades agrícolas.

Atualmente, a Portaria do Ministério da Agricultura, de 1978, restringe o uso a caixas de plástico de até 25 quilos. Porém, novas tecnologias inseriram no mercado outras alternativas que trazem mais benefícios e melhoram a produtividade.

A solicitação do setor é para que se inclua na portaria (ou em ato normativo complementar) a possibilidade de as vinícolas transportarem uvas com fins industriais dentro da zona de produção em caixas bins (ou contêineres), com capacidade de acondicionamento de cerca de 500 quilos da fruta. Durante a audiência, foi entregue um ofício da Cooperativa Vinícola Aurora, de Bento Gonçalves, ao ministro Maggi, enfatizando a solicitação:

– A utilização dos bins trará grandes benefícios no transporte de uvas, sendo dentre elas uma maior agilidade e praticidade em seu descarregamento, redução de custos, eliminação da perda do mosto das uvas durante o transporte, além de ser um ganho para o produtor, tendo em vista que há diminuição do esforço físico durante a colheita por esse processo mecanizado – esclarece trecho da carta, assinada pelo presidente Itacir Pedro Pozza.

A saber: as caixas bins de plástico já têm fabricação nacional, inclusive em Vila Maria (RS). São empregadas em larga escala na colheita de maçãs e amplamente utilizadas na Europa.

 
 

Siga o Pioneiro no Twitter

  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comAgenda: Grupo Os Travessos fará show em Caxias https://t.co/9dz3mtDV9W #pioneirohá 56 minutosRetweet
  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.com"A África está também dentro do Brasil", diz artista moçambicano que visita Caxias do Sul nesta semana https://t.co/hZ860efSPC #pioneirohá 1 horaRetweet

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros