Fimma Brasil começa em Bento Gonçalves e promete R$ 900 milhões em negócios - Economia - Pioneiro

Feira28/03/2017 | 06h59Atualizada em 28/03/2017 | 08h54

Fimma Brasil começa em Bento Gonçalves e promete R$ 900 milhões em negócios

Fimma segue até sexta-feira no Parque de Eventos e espera 25 mil visitantes

Fimma Brasil começa em Bento Gonçalves e promete R$ 900 milhões em negócios Evandro Soares/Divulgação
360 expositores de 30 diferentes países estarão expondo na feira Foto: Evandro Soares / Divulgação

O Parque de Eventos de Bento Gonçalves sedia a partir desta terça-feira a Feira Internacional de Máquinas, Matérias-Primas e Acessórios para a Indústria Moveleira (Fimma Brasil 2017). A expectativa é de captar um volume de negócios semelhante ao alcançado na edição anterior.

— Nossa meta é chegar a U$$ 290 milhões (R$ 900 milhões) — informa o presidente da feira, Rogério Francio.

Leia mais
Prefeitura prevê mudanças no trânsito da área central de Bento Gonçalves
Homem morre ao cair em poço de elevador em Bento Gonçalves


São esperados 25 mil visitantes até a próxima sexta-feira. O evento reunirá os principais players do mercado, que estarão expondo lançamentos, produtos e serviços, além de inovações.

— As empresas têm a chance de expor em uma vitrine mundial, fortalecendo as marcas em âmbito global, ampliando a rede de contatos e fomentando alianças estratégicas — destaca Francio.

Ao todo, serão cerca de 360 marcas expositoras, de 30 países diferentes, como: Espanha, França, Itália, Alemanha, Índia, Áustria, Portugal, Turquia, República Tcheca e Peru.

Entre as atividades realizadas na feira está o projeto Marceneiro. Tem o objetivo de disseminar a cultura empreendedora entre os micro e pequenos empresários do ramo de marcenaria, com ações direcionadas que facilitam o acesso às informações, promovem o desenvolvimento sustentável e aproximam os profissionais das novidades do setor.

 No Espaço Marceneiro, os alunos do Senai demonstrarão na prática as etapas da fabricação de móveis que serão doados a entidades beneficentes após a Fimma Brasil. A feira promoverá também o inédito Laboratório de Inovação, onde serão alavancadas as demandas da indústria e poderão ser analisadas soluções para empresas, por meio de uma rede integrada e colaborativa de tecnologia e projetos.

No local, que vai enfatizar robótica e eletrônica e o desenvolvimento de soluções inovadoras, os visitantes terão a oportunidade de jogar, criar, aprender, orientar, inventar e ter contato com especialistas do setor, técnicos, pesquisadores, educadores e redes colaborativas de conhecimento.

 
 

Siga o Pioneiro no Twitter

  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.com"Comunidade e favela é tudo a mesma porcaria", desabafa Faustão https://t.co/xt2ZjjWjtP #pioneirohá 51 minutosRetweet
  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comMirando o Piratini, Jairo Jorge defende novos caminhos para o Estado https://t.co/Sn2FescDbk #pioneirohá 1 horaRetweet

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros