Fiergs usa dados de Caxias para embasar pedidos em Brasília - Economia - Pioneiro

Caixa-Forte23/02/2017 | 14h24Atualizada em 24/02/2017 | 14h25

Fiergs usa dados de Caxias para embasar pedidos em Brasília

A lista de 26 reivindicações foi entregue pela Fiergs ao ministro da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, Marcos Pereira

Os dados indigestos da indústria de Caxias do Sul ajudaram a Fiergs a embasar os argumentos com vistas a solicitar uma série de demandas para o setor gaúcho resgatar a competitividade.

A lista de 26 reivindicações foi entregue na terça-feira pelo presidente da entidade, Heitor José Müller, ao ministro da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC), Marcos Pereira, em Brasília.

O foco da discussão foram políticas de desenvolvimento para fomentar o comércio exterior e a inovação, além da revisão de distorções na tributação.

A Fiergs sugeriu a manutenção de uma política de câmbio competitivo às exportações, que não deveria baixar dos R$ 3,50, o avanço em negociação de livre comércio entre Mercosul e União Europeia e a desoneração da folha de pagamento.

A saber: em 2016, o setor metalmecânico de Caxias faturou R$ 11,2 bilhões, queda de 55% em relação a 2010.

 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros