Cervejaria de Caxias dobra capacidade de produção com nova unidade na Tronca - Colunas do Caixa-Forte - Economia: impostos, financiamentos e mais - Pioneiro
 
 

Caixa-Forte13/11/2020 | 07h05Atualizada em 13/11/2020 | 07h05

Cervejaria de Caxias dobra capacidade de produção com nova unidade na Tronca

Maquinário da Salvador Brewing Co deixará o complexo Fabbrica, no bairro Lourdes, que terá bar ampliado

Cervejaria de Caxias dobra capacidade de produção com nova unidade na Tronca Andrigo Salvador/Divulgação
Previsão de inauguração da fábrica na Tronca é para 8 de dezembro Foto: Andrigo Salvador / Divulgação

A Salvador Brewing Co vai transferir a produção, instalada no complexo Fabbrica, no bairro Nossa Senhora de Lourdes, para uma nova estrutura erguida na Rua Tronca, próximo da Rua Visconde de Taunay. Com a mudança, a cervejaria vai dobrar a capacidade de produção. Além disso, vai liberar o espaço da antiga produção para ampliar o bar na Fabbrica, ainda mais com a necessidade de maior distanciamento entre mesas imposta pela pandemia.

Com a inauguração da nova planta, prevista até 8 de dezembro, ela será a terceira operação da marca em Caxias. A Salvador já tem outra unidade na Avenida Itália, no bairro São Pelegrino, além do negócio em Lourdes. O prédio da Salvador na Tronca também vai ter uma estrutura de bar, mas a proposta será diferente, pois o foco principal será a produção.

– Ali na Tronca vai ter um barzinho para consumo, mas vai ser um negócio mais raiz, mais chão de fábrica mesmo. Teremos rock, fliperama, mesas de boteco e espetinho na calçada – adianta o sócio-proprietário, Andrigo Salvador.

Quer ler mais textos da coluna Caixa-Forte?  

O cenário de hoje é bem diferente do início da produção, com cerca de mil litros, no porão da casa da família de Jorge Agostini, sogro de Andrigo. Na nova área de 500 metros quadrados, a capacidade de produção será de 25 mil litros por mês. Foram investidos cerca de R$ 300 mil para compra de novos tanques de armazenamento de cerveja e toda a infraestrutura necessária para ampliar a fabricação. O prédio é alugado.

Além da venda direta e pela internet, a expansão da marca é impulsionada pelas exportações. O primeiro embarque ocorreu em outubro para a Holanda. Nesta semana, está sendo enviada a primeira remessa para a Ásia. São cerca de 1,5 mil latas para cada um dos países compradores, Japão e Coreia do Sul.

A expansão ainda gera empregos. Atualmente, a Salvador tem em torno de 20 funcionários nas suas três operações. Com a nova unidade na Tronca, gera três empregos no atendimento e mais três na produção.

Leia também
Fabricante caxiense de equipamentos para estética investe R$ 60 mil para criar estúdio para lives


 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros