Conheça a plataforma que estimula a ficar de olho no vizinho   - Colunas do Caixa-Forte - Economia: impostos, financiamentos e mais - Pioneiro
 
 

Caixa-Forte25/09/2020 | 18h04Atualizada em 25/09/2020 | 18h04

Conheça a plataforma que estimula a ficar de olho no vizinho  

MeuVizinho.me tem 700 cadastros em Caxias do Sul e busca fortalecer consumo local

Conheça a plataforma que estimula a ficar de olho no vizinho   MeuVizinho.me/Reprodução
Foto: MeuVizinho.me / Reprodução

Uma plataforma que nasceu no final do mês de maio, com o objetivo de fomentar o comércio local e ajudar o pequeno empreendedor na pandemia, ultrapassou 1,5 mil usuários em menos de três meses no Rio Grande do Sul. Apesar de recente, a plataforma MeuVizinho.me cresce cerca de 5% ao dia de maneira orgânica, atingindo mais de 12 mil usuários em todo o Brasil, já que está presente em todos os estados brasileiros e em mais de 500 cidades. Os sócios fundadores são de Caxias do Sul, cidade que está chegando em 700 cadastros.

O MeuVizinho.me permite que qualquer pessoa cadastre produtos e serviços para que fiquem visíveis para quem está localizado nas proximidades. A plataforma  é considerada a primeira rede social de consumo local do Brasil e é gratuita, tanto para quem divulga quanto para quem procura pelos vizinhos.

_Não faria sentido ter uma cobrança, já que queremos ajudar o pequeno profissional a aumentar as vendas e, muitas vezes, ele não possui verba para divulgação. É aí que entra o MeuVizinho.me _ destaca Ivonei Pioner, da Pioner Relojoaria e Ótica, ex-presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Caxias, e um dos sócios-fundadores da plataforma.

Para mostrar os serviços à sua volta, a plataforma utiliza a geolocalização.

Leia também
Loja de móveis deixa flores para quem passa na rua



 
 
 
 
Pioneiro
Busca
Imprimir
clicRBS
Nova busca - outros