Empresa de Caxias lucra com a ociosidade provocada pela crise - Colunas do Caixa-Forte - Economia: impostos, financiamentos e mais - Pioneiro
 
 

Caixa-Forte31/07/2020 | 07h25Atualizada em 31/07/2020 | 07h25

Empresa de Caxias lucra com a ociosidade provocada pela crise

A plataforma OSucateiro multiplicou seu crescimento em 10 vezes no primeiro semestre com pandemia

Empresa de Caxias lucra com a ociosidade provocada pela crise Edson Beux/Divulgação
Foto: Edson Beux / Divulgação

A caxiense OSucateiro, criada para solucionar os problemas das empresas que possuem dificuldades em destinar estoques obsoletos, máquinas ociosas, resíduos e sucata, está sendo mais procurada com a crise. Neste primeiro semestre, a plataforma multiplicou seu crescimento em 10 vezes, se comparado ao mesmo período do ano passado, com um valor movimentado de aproximadamente R$ 4,5 milhões. Desses, cerca de R$ 3,8 milhões correspondem a apenas os últimos quatro meses de pandemia, o equivalente a 84% do semestre.

– Aumentamos as nossas vendas pois o momento de crise faz com que as empresas olhem para dentro e busquem vender tudo aquilo que está parado – explica o CEO da empresa, Rafael Davi Valentini.

OSucateiro.com também contratou profissionais para engenharia de produto, logística e comercial. A expectativa é que, até o final do ano, sejam feitas cerca de 50 contratações. Ainda em maio, a empresa começou com exportações na Ásia.

Saiba também
Orquídea compra marca com atuação na Grande Porto Alegre e Litoral

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros