Confira três dicas para grandes e pequenas empresas enfrentarem crise - Colunas do Caixa-Forte - Economia: impostos, financiamentos e mais - Pioneiro
 
 

Seu bolso02/07/2020 | 09h48Atualizada em 02/07/2020 | 09h48

Confira três dicas para grandes e pequenas empresas enfrentarem crise

Empresa que presta serviço de administração financeira deu conselhos para enfrentar crise financeira 

Confira três dicas para grandes e pequenas empresas enfrentarem crise Júnia Garrido/stock.adobe.com
Empresa está oferecendo consultoria também para pessoas físicas Foto: Júnia Garrido / stock.adobe.com

Prestadora de serviços de administração financeira com experiência em gestão de crise para grandes empresas, como o Grupo Paquetá e a Finipar, a Griebeler está lançando um serviço focado também nos médios e pequenos negócios. 

- Neste momento de crise, todos precisam pensar nos seus caixas, fazer suas reservas e os cortes que são inevitáveis para que as empresas possam sobreviver. A gente começou a receber alguns clientes menores, a atender o pequeno e microempresário e, até mesmo, pessoas físicas que precisam organizar os seus ganhos - explica Fernanda Griebeler, empresária e diretora da empresa, em entrevista ao programa Acerto de Contas. 

A empresária pontuou três dicas para enfrentar a crise financeira no pós-pandemia. Confira: 

1) Preserve o caixa o máximo possível. A atual crise tem um grave impacto na liquidez e no custo do capital. Trate do seu caixa como prioridade diária e o preserve ao máximo.

2) Faça acordos para enfrentar a crise e a recuperação da saúde financeira. Negocie com fornecedores, funcionários, prestadores de serviços, locadores e imobiliárias. Em todas as negociações apresente um plano com uma estratégia de recuperação pós-pandemia. É o momento de negociar e adequar um planejamento de médio prazo, não somente nos meses da pandemia. A recuperação econômica não será imediata!

3) Mantenha a calma e lembre que toda crise traz oportunidades. Foque em identificar as do seu negócio!

-  É preciso muita criatividade. É preciso buscar novas oportunidades, o que não é fácil para ninguém, a gente sabe. Precisamos, antes de investir, rever o panorama de para quem eu vou vender e como vou vender meu serviço ou produto - comenta.  

Ouça a entrevista completa para o programa Acerto de Contas (domingo, às 6h, na Rádio Gaúcha): 


 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros