Procon orienta troca de produtos com proibição de prova - Colunas do Caixa-Forte - Economia: impostos, financiamentos e mais - Pioneiro
 
 

Caixa-Forte05/05/2020 | 16h00Atualizada em 05/05/2020 | 16h44

Procon orienta troca de produtos com proibição de prova

Procedimento deve ser feito seguindo as recomendações da Organização Mundial da Saúde para a higienização

Procon orienta troca de produtos com proibição de prova Antonio Valiente/Agencia RBS
Foto: Antonio Valiente / Agencia RBS

O comércio continua sem liberação para a prova de roupas. Essa situação tem gerado dúvidas. O Procon Caxias está orientando aos comerciantes que efetuem a troca, mesmo para quem comprar diretamente na loja, justamente por essa impossibilidade de testar o produto. 

A legislação não prevê arrependimento para a compra presencial, diferentemente das compras virtuais em que o consumidor não pode avaliar o produto em mãos e tem sete dias para avaliar se o produto recebido atende às expectativas. 

Saiba mais
Máscaras e poucas vendas no retorno do comércio

O Procon também informou, após contato com as lojas da cidade, que as trocas estão sendo feitas seguindo as recomendações da Organização Mundial da Saúde para a higienização. Algumas ainda oferecem a opção de levar as peças para casa para provar com calma e segurança.

Saiba também
Notificações em 39 frigoríficos da Serra já ocorreram na pandemia


 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros