Máscaras e poucas vendas no retorno do comércio - Colunas do Caixa-Forte - Economia: impostos, financiamentos e mais - Pioneiro
 
 

Caixa-Forte22/04/2020 | 17h00Atualizada em 22/04/2020 | 17h00

Máscaras e poucas vendas no retorno do comércio

Movimento equivale a 60% do fluxo de dias normais

Máscaras e poucas vendas no retorno do comércio Antonio Valiente/Agencia RBS
Maioria dos clientes já chega com item de proteção nas lojas Foto: Antonio Valiente / Agencia RBS

A presidente do Sindilojas de Caxias observa o comportamento dos consumidores nos primeiros dias após o retorno das atividades do varejo. 

Segundo Idalice Manchini, 80% dos clientes já chegam com a máscara e, para os outros 20%, os lojistas as entregam ao entrar nos estabelecimentos. 

Saiba mais
Comércio de Caxias do Sul se prepara para abrir nesta sexta

Mesmo com o retorno do movimento nas lojas de rua e nos shoppings, ele equivale a 60% do fluxo em dias normais. 

O faturamento, segundo Idalice, está cerca de 30% menor. Ela destaca que restrições do decreto, como a impossibilidade de provar os itens, impactam na decisão de compra e, portanto, no faturamento das empresas.

Saiba também
Números da Randon de março já mostram efeitos da pandemia


 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros