Stok Center força estratégias da concorrência em Caxias - Colunas do Caixa-Forte - Economia: impostos, financiamentos e mais - Pioneiro
 
 

Caixa-Forte03/05/2019 | 17h10Atualizada em 03/05/2019 | 17h10

Stok Center força estratégias da concorrência em Caxias

Junto à Havan, o atacarejo também merece crédito pelo movimento intenso que se criou na lateral da RSC-453

Stok Center força estratégias da concorrência em Caxias Marcelo Passarella/Agência RBS
Estabelecimento estreou na quinta-feira, 25 de abril, com fila já bem cedinho da manhã Foto: Marcelo Passarella / Agência RBS

A coluna discutiu o novo padrão de consumo do comércio caxiense com a chegada da rede de departamentos catarinense Havan. As longas filas desde a inauguração da megaloja, no sábado, denotam que o consumidor migrou de uma postura cautelosa para arrojada.

Mas não é só a Havan que é um fenômeno de marketing e de filas. Ela está situada ao lado do Stok Center, um atacarejo (misto de produtos voltados ao atacado e ao consumidor final, com embalagens diferenciadas), com preços competitivos, corredores amplos e uma oferta superior a 5 mil itens. Pequenos comerciantes, restaurantes, escolas e padarias gostam desse tipo de empreendimento, por conta de opções com melhor custo-benefício para os chamados “transformadores”.

O público garante que esse gigante atacadão, sob o comando da Comercial Zaffari, mudará a relação da concorrência com o cliente, forçando promoções e estratégias mais agressivas de preços. Há quem diga que outros estabelecimentos com o mesmo enfoque já estariam alterando suas táticas de vendas, e até supermercados tradicionais começam a repensar como manter o cliente. Ou seja, o movimento não pode ser apenas atribuído à Havan, embora seja gigantesco. 

O Stok Center também merece (e muito) crédito pelo burburinho que se criou na lateral da RSC-453. Ele estreou dois dias antes, na quinta-feira, 25 de abril, com fila já bem cedinho da manhã (foto). Há espaço para todos, e a chegada de dois grandes empreendimentos ajuda a concorrência a “se puxar” em criatividade, elimina comportamentos de acomodação e torna o consumidor mais seletivo, exigindo qualidade, preços e atendimento. 

Leia mais:

 Havia uma demanda reprimida por esse tipo de empreendimento que provocou a corrida à Havan?

 Caxias do Sul recebe nova concessionária de R$ 1,5 milhão

 Clínica estética caxiense reinaugura em casa histórica 

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros