Sociedade por João Pulita - Cultura e Tendência - Pioneiro

Versão mobile

 
 

SOCIAL25/09/2020 | 06h10Atualizada em 25/09/2020 | 06h10

Sociedade por João Pulita

Veja a coluna social desta sexta-feira!

Sociedade por João Pulita Thiago Silva / Divulgação/Divulgação
O restaurateur Eliseo Marin contou com as atenções de Juliana Valente, terça-feira, na apresentação oficial do novo endereço do Buffet Aristocrata Foto: Thiago Silva / Divulgação / Divulgação

Prato Feito

O Lar da Velhice São Francisco de Assis, instituído pelas Fraternidades da Ordem Franciscana Secular dos Bairros Rio Branco, Santa Catarina e Lourdes, promoverá, no dia 4 de outubro, um almoço beneficente e alusivo aos festejos de 60 anos de fundação da casa asilar. O objetivo é arrecadar fundos para a manutenção de suas atividades em prol dos mais vulneráveis. A proposta ocorrerá em formato Drive Thru, das 11h às 14h. Aos interessados, os ingressos à R$ 50,00 estão disponíveis com o grupo articulador da ocasião pelo telefone (54) 3225-1677 ou diretamente no lar de idosos.

Clique e confira outras edições da coluna social de João Pulita

A designer floral Clarissa Fuchs e a arquiteta e restauradora Adriane Bedin colaboraram na ambientação do almoço de estreia do Buffet Aristocrata, agora movimentando o histórico Palacete EberleFoto: Thiago Silva / Divulgação
O dentista caxiense Leonardo Zanettini, que recentemente retornou de uma temporada de estudos na Alemanha, já prepara a defesa da tese de seu doutorado pela PUC-RS Foto: Juliano Vicenzi / Divulgação

Currículo

Após dedicar o último ano a uma temporada de estudos internacional em Implantodontia, na cidade de Münster, na Alemanha, o dentista caxiense Leonardo Zanettini desenvolveu, durante o doutorado, uma pesquisa sobre o mote de seus estudos para tratamento de pessoas que perderam um ou mais dentes. Aos 29 anos, além de cirurgião-dentista, o jovem profissional já é especialista e mestre em Cirurgia e Traumatologia Buco-Maxilo-Facial e em Implantodontia pela PUC-RS.

Happy Birthday!

Hoje é dia de entoar o parabéns a você para Aline Casagrande, filha de Ivan e Maria de Lourdes Casagrande. A beldade que foi Princesa da Festa Nacional da Uva 2012 recebe o carinho de todos os seus familiares, amigos e fã clube.

As amigas e empreendedoras Edilaine da Costa Casagrande e Hellen Telles, programam novidade fashion, a Vinth Vinth que será apresentada em live, na próxima terça-feiraFoto: Lisi Viezzer / Divulgação

Alinhavos

Impulsionadas pela inventividade, as amigas e sócias Edilaine da Costa Casagrande e Hellen Telles apresentarão, na próxima semana, uma nova proposta de moda, a Vinth Vinth, que evidenciará a valorização da produção local. Na terça-feira, dia 29, a dupla fará a estreia do projeto, em formato online, com uma live que será transmitida pelo Youtube e Instagram da marca, às 19h10min. A consultora de imagem e estilo, Cris Carvalho, protagonizará um bate-papo sobre o tema “Conexões de estilos para o novo vestir” e ainda promoverá um preview da coleção de verão 2020/2021.

Lareira  

Depois de celebrarem, no início do mês, cinco anos da Clínica Médica Monteiro e Salbego, a médica dermatologista Grasiela Monteiro e seu marido, o cardiologista Márcio Salbego, promovem um hiato. Para comemorar os 14 anos de união, o casal desfaz as malas, hoje, em meio à natureza aconchegante e a elegância do Hotel Varanda das Bromélias, em Gramado, na Região das Hortênsias. Além das Bodas de Marfim, eles brindarão a passagem da data querida de Grasiela, ocorrida no último dia 14. O casal retorna aos afazeres profissionais na segunda-feira.

.

Entre a obra e o protagonista!

Bruno Atti SerafiniFoto: Arquivo Pessoal / Divulgação

O caxiense Bruno Atti Serafini, 37 anos, filho de Eduardo Pretto Serafini e Luciana Atti Serafini, graduado em Farmácia pela Universidade de Caxias do Sul, desde sempre esteve inclinado para o lado artístico e criativo. Iniciou no mundo das letras como um passatempo, ainda no ano de 2015 e hoje, já possui quatro livros publicados e diversos outros manuscritos. Outra paixão de Bruno, a música, faz com que lidere uma banda e rememore a época em que tocava com o pai e o irmão, Eduardo Atti Serafini, na garagem de casa. Marido de Grasiela Peroni Duarte, com quem tem um filho, Caetano, se diz um inquieto ser humano. Viaje nas entrelinhas do dicionário particular deste ariano nato!

A de Ayrton Senna: um exemplo de perseverança, suor e talento. Embora ele mesmo acreditasse que o talento significa 10% se comparado aos outros. Uma pessoa que buscou seu sonho, batalhou firme e no fim, foi vencedor; mesmo que o destino tenha interrompido sua trajetória tão cedo. 

B de Blade Runner: baseado na obra do escritor Philip K. Dick. Um clássico da ficção científica e a prova de que, algumas vezes, o filme consegue ser ainda melhor do que o livro. 

C de Caetano: nome que escolhi para o meu filho. Ser pai era um grande sonho meu e com a chegada do Caetano, há um ano e meio, tenho descoberto um mundo novo, cheio de aprendizado e alegrias a cada dia.

D de Diferente: em um mundo tão igual faz bem ser um pouco diferente para fugir da mesmice.

E de Equilíbrio: fui ensinado que é preciso encontrar equilíbrio na vida para poder viver em paz. Um exercício nem sempre fácil.

F de Fixação: o terceiro livro que publiquei, com a ajuda do Financiarte. É um terror psicológico, o gênero que mais gosto de explorar. De todos as histórias que já escrevi, essa é minha favorita. 

G de Gravação: a solução que encontrei para enfrentar esses tempos loucos de quarentena. Tenho me dedicado, juntamente com a banda, desde a criação de letra até a harmonia, chegando na forma final da música. Algo novo para mim e que tem me deixado muito entusiasmado com o resultado.

H de Hipocrisia: cada um escolhe a que quer seguir. Difícil manter a hipocrisia totalmente fora do nosso cotidiano.

I de Imposto: o absurdo imposto de 12% que estão querendo cobrar sobre o livro no Brasil. De que adianta discursos a favor da educação se na hora de colocar em prática nossos governantes dificultam cada vez mais o acesso à cultura?

J de John Lennon: grande inspiração. O maior artista da nossa época. Qualquer frase perdida virava melodia. Contava histórias e passava belas mensagens através de acordes de piano e violão. “All you need is love” e “Give peace a chance” são alguns dos mantras tantas vezes defendidos por Lennon. 

K de Knock-out: o que eu penso depois de um dia agitado e estressante. De pequenos problemas todo mundo vive, mas tem dia que parece que o roteirista acordou do lado errado da cama.

L de Leitura: ocupa sempre um espaço no meu dia a dia. Costumo ter sempre de dois a três livros na cabeceira da cama. Outro hábito que tenho é o de reler as obras que mais me fascinaram.

M de Música: porque simplesmente não consigo imaginar minha vida sem ela.

N de Não sou obrigado... a aturar sertanejo universitário e funk brasileiro!

O de Óbvio: infelizmente no Brasil o óbvio é evitado. Melhor nem começar a dar exemplos.

P de Prioridades: decida o que você quer fazer da sua vida e siga seu caminho com dedicação e paixão. 

Q de Qualquer lugar, desde que seja junto do meu amor, a Grasi. 

R de Rock n’ Roll: “It’s only rock and roll but I like it”.

S de Stephen King: o mestre do terror literário. Recordista em adaptações para o cinema de suas histórias. Uma vez disse em uma entrevista que gostava tanto de escrever que faria de graça, mas que fica extremamente feliz que as pessoas paguem para que ele o faça. Somos dois.  

T de The Modês: nome da banda e meu novo projeto musical junto com os talentosos amigos Cássio Vianna, Gustavo Weirich, Felipe Atti dos Santos e Franco Barella. Logo vem novidade para quem gosta de um bom e velho rock and roll. 

U de Utopia: viver de música e literatura.

V de Vício: escolhe o teu e vida que segue. 

W de Wonderwall: Noel Gallagher disse que dentre as 50 maiores canções de todos os tempos, 49 são dos Beatles. A outra? Wonderwall. 

X de Xangri-lá: praia gaúcha onde posso dar uma escapada, recarregar as baterias e encontrar inspiração para continuar buscando meus objetivos. 

Y de Yellow Submarine: uma das músicas preferidas do meu filho (obviamente que com alguma influência) o que, claro, me enche de orgulho.

Z de Zonzo: é como eu fico nesse mundo de hiperconectividade e mais informação do que podemos digerir. Às vezes acho que vale a pena deixar os eletrônicos de lado e esquecer um pouco das loucuras da rotina. Parar um pouco para escutar o som do silêncio. 

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros