Vereadores aprovam prorrogação no prazo para lançamento do edital do Financiarte, em Caxias - Cultura e Tendência - Pioneiro

Versão mobile

 
 

Cultura07/07/2020 | 17h22Atualizada em 07/07/2020 | 17h32

Vereadores aprovam prorrogação no prazo para lançamento do edital do Financiarte, em Caxias

Prefeitura diz ter documento pronto, mas falta último nome para formação da comissão avaliadora. Novo prazo é até 31 de julho

Vereadores aprovam prorrogação no prazo para lançamento do edital do Financiarte, em Caxias Marcelo Casagrande/Agencia RBS
Espera pelo edital do Financiarte ocorre num momento em que a cultura aguarda socorro, devido à pandemia Foto: Marcelo Casagrande / Agencia RBS

A publicação do edital do Financiarte 2020 não ocorreu até 30 de junho, prazo previsto em lei. No entanto, um documento enviado à Câmara pelo executivo na véspera da data final pediu a prorrogação do prazo até 31 de julho, considerando dificuldades pontuais para efetuar a publicação. Os vereadores aprovaram o pedido na última quinta-feira, mas uma reunião nesta quarta-feira, reunindo a Comissão de Cultura e Educação da Câmara, a Secretaria Municipal de Cultura e o Conselho Municipal de Política Cultural, servirá para ouvir explicação e tentar acelerar essa e outras questões envolvendo auxílio ao setor cultural, especialmente durante a pandemia de Covid-19.

A prefeitura alega que o edital, cujo valor é de R$ 105 mil, está pronto para ser publicado, contudo falta a nomeação de um integrante da Comissão de Avaliação, Seleção e Fiscalização (Casf) na área do Teatro, completando assim os quatro representantes necessários em cada área (as outras são música, artes visuais, cinema e vídeo, dança, literatura e folclore e artesanato). Houve uma desistência na reta final, o que, de acordo com a argumentação da prefeitura, provocou o atraso no processo. 

A presidente do Conselho Municipal de Política Cultural, Aline Zilli, considera que teria sido mais fácil preencher a última vaga se houvesse um diálogo mais efetivo. Segundo ela, o próprio Conselho não foi avisado do pedido de prorrogação do prazo:

– As pessoas estão desistindo da Casf porque não há outra política de fomento na cidade além do Financiarte, e elas querem estar aptas a concorrer. Outras estão com dificuldade de apresentar certidão negativa porque não conseguiram pagar seus impostos nessa situação crítica em que estamos. Mesmo assim mobilizamos pessoas que se dispuseram a preencher a última vaga, mas até a entrega da documentação o prazo iria expirar. Para não configurar improbidade administrativa (pelo não cumprimento do prazo), foi enviado o pedido à Câmara. E só ficamos sabendo pelos próprios vereadores.

A secretária municipal de Cultura, Luciane Perez, afirma que a pasta aguarda o aceite de uma pessoa convidada para completar a Casf:

– Estamos trabalhando para que essa definição ocorra o mais rápido possível, para que possamos dar o devido andamento ao processo e assim publicar o edital.

Leia também
VÍDEO: Conheça o projeto Amizade, que reuniu 104 vozes de forma online
Projetos de videodança organizados por Matheus Brusa participam de ação nacional
Faça uma sobremesa cremosa com apenas três ingredientes
Adriana Antunes: 2020
Artistas da região celebram legado de Ennio Morricone, morto nesta segunda-feira, aos 91 anos   

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros