Frei Jaime: quando se esgotam as esperanças, surgem os milagres - Cultura e Tendência - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Opinião14/07/2020 | 08h00Atualizada em 14/07/2020 | 08h00

Frei Jaime: quando se esgotam as esperanças, surgem os milagres

O cotidiano é um dos espaços onde a sabedoria se faz presente

Frei Jaime Bettega
Frei Jaime Bettega

jaime@ofmcaprs.org.br

Bom Dia! O raiar de um novo dia, mesmo sendo tempo de inverno, é sempre motivo de alegria e de esperança... O que não foi possível ser feito ontem, hoje a oportunidade é totalmente nova... A graça de poder recomeçar, nos enche de ânimo e de determinação... Que a paciência nos acompanhe e que a persistência nos torne fortes... Viver é bom demais... Feliz dia! 

"Quando se esgotam as esperanças, surgem os milagres." 

O cotidiano é um  dos espaços onde a sabedoria se faz presente, nas diferentes expressões e chavões. Continuamente alguns ‘provérbios’ são expressados e confirmados. Nas trocas diárias, presenciais ou virtuais, a linguagem traz à tona o que circula na mente e no coração. É comum ouvir expressões como: ‘eu cheguei no meu limite’ ou ‘nada dá certo comigo’. De fato, as pessoas passam por muitas provações, dia após dia, em diferentes lugares do planeta. Alguns acontecimentos realmente cortam o coração e provocam prostração. Motivos para desanimar não faltam, mas nada justifica a desistência. Onde encontrar forças, quando as energias físicas parecem terem desaparecido?                                                

Quer ler mais textos do Frei Jaime?
Clique para conferir textos dos colunistas do Pioneiro

Por muitos séculos, o sonho da maior parte da humanidade ficou voltado ao materialismo. Faz parte do senso comum interligar a felicidade com a quantidade de coisas materiais. Suprir as necessidades é uma tarefa árdua, mas digna e justa. O problema não está nas coisas materiais, mas na relação do ser com o ter. Quem não cultiva a esperança dificilmente será capaz de acreditar que um novo tempo está ali, a um passo de distância. A esperança não relativiza a dura realidade, mas abre para uma nova oportunidade, capaz de permitir um feliz recomeço. 

A força contida na esperança impede o caos, afasta o desejo de desistir, elimina a insistente escuridão, que abarca os melhores sonhos. Se porventura a esperança chegar a níveis insuficientes, resta, então, uma alternativa por demais significativa: o milagre. Porém, para alcançar o campo dos milagres é necessário ter fé. A grande maioria quer que algum milagre aconteça, mas não faz praticamente nada para crescer na fé. A fé não é uma fórmula, mas um força que brota mais da alma do que da inteligência. Quem cultiva a espiritualidade está sendo profundamente estratégico, pois poderá dar conteúdo à esperança e, ainda, ser beneficiado por milagres. 

Bênção! Paz & Bem! Santa Alegria! Abraço!

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros