Frei Jaime: estar sempre buscando é algo positivo - Cultura e Tendência - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Opinião08/07/2020 | 08h00Atualizada em 08/07/2020 | 08h00

Frei Jaime: estar sempre buscando é algo positivo

É interessante observar que as pessoas do bem são discretas, estão sempre ajudando

Frei Jaime Bettega
Frei Jaime Bettega

jaime@ofmcaprs.org.br

Bom Dia! A 4ª feira chega de mansinho... A claridade despede a escuridão e nos convida à retomada da vida... Recomeçar é um privilégio... Muitos gostariam de estar em nosso lugar... Temos incontáveis motivos para agradecer, apesar da realidade que nos cerca... O ideal é abrir um espaço no coração, para lançar diariamente a semente da esperança... Com certeza germinará! 

"Algumas coisas estão ao alcance de nossas mãos. Outras, ao alcance da nossa fé." 

A busca por um significado para a existência perpassa os dias e os tempos. Estar sempre buscando é algo positivo, pois imprime um desejo enorme de vencer, de superar as dificuldades e de realizar algo com o toque afetivo e pessoal. Não são necessárias grandes obras ou eventos históricos, mas é necessário que seja algo edificado com muito amor. O desejo de ser pequeno e anônimo tem acompanhado aquelas pessoas que contribuem muito com a humanidade. É interessante observar que as pessoas do bem são discretas, estão sempre ajudando, fazem de coração, sem nenhum interesse pessoal e não gostam de exposição.                            

Quer ler mais textos do Frei Jaime?
Clique para conferir textos dos colunistas do Pioneiro

Acostumados com a mensuração e divulgação somente das coisas menos boas, o mundo tem aberto pequenos espaços para mostrar que a bondade continua em alta, que o bem tem um incrível poder transformador. Porém, algumas coisas estão ao alcance das mãos e outras ao alcance da fé. As mãos estão sempre em ação, praticamente não cansam de fazer e refazer tantas coisas. Se tudo pudesse ser resolvido pelas mãos, a maior parte dos problemas deixariam de existir. 

No entanto, muitas situações não precisam de mãos, mas de alma. A fé tem retornado para muitos corações, num tempo onde a circulação deixou de ser espontânea e a reflexão e a interiorização adquiriram volume, aguardando por mais espaço. Para a grande maioria, a fé tem sido a companheira dos bons e dos difíceis momentos; para outros, a fé está sendo uma preciosa descoberta diante das incertezas que assola a humanidade. Quem cultiva a fé reúne dentro de si as melhores energias para sustentar a vida, enquanto a realidade se aproxima da serenidade. 

O equilíbrio que a fé proporciona sustenta o tempo de espera, até que tudo volte à normalidade. Cultivar a fé é revestir-se daquela força que não deixa a tristeza criar raízes e nem o desânimo invadir as profundezas do ser. Viver é realmente um ato de fé. 

Bênção! Paz & Bem! Santa Alegria! Abraço!

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros