Serra "instagramável": conheça roteiros que merecem ser fotografados e compartilhados - Cultura e Tendência - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Vindima07/02/2020 | 17h15Atualizada em 07/02/2020 | 17h16

Serra "instagramável": conheça roteiros que merecem ser fotografados e compartilhados

Destinos oferecem experiências e cenários de encher de olhos... e as telas de celular

Serra "instagramável": conheça roteiros que merecem ser fotografados e compartilhados Siliane Vieira/Agência RBS
Roteiro contempla algumas atividades, personagens e cenários perfeitos para registrar Foto: Siliane Vieira / Agência RBS

O inverno é o período de maior procura de turistas pela Serra Gaúcha. Mas a vindima, que ocorre em pleno verão – de janeiro a março – há tempos tem se consolidado como alta temporada por aqui, principalmente por conta do esforço das vinícolas da região em oferecer experiências tão agradáveis quanto o cheirinho doce que vem das parreiras cheias de frutas amadurecendo ao sol nesta época. 

A gastronomia é farta, e as opções em vinhos e espumantes (suco também tem) trazem rótulos premiados internacionalmente. As paisagens do interior de cidades como Bento Gonçalves, Garibaldi e Flores da Cunha também são atrações que enchem os olhos... e as telas de celular. Sim, até porque vivemos na era das redes sociais. Pensando nisso, elaboramos um roteiro que contempla algumas atividades, personagens ou cenários bem “instagramáveis”, ou seja, ideais para serem compartilhadas no Instagram. As dicas vão além das vinícolas, provando que o passeio na vindima pode reservar bem mais do que só uva e vinho na Serra. 

Prepare a memória do celular para registrar tudo isso...

* A repórter viajou a convite da ConceitoCom Brasil. O roteiro oferecido  ainda passou por lugares como o Parque Temático Epopeia Italiana, que remonta a chegada dos italianos ao Brasil; o Café Luna Park, opção gastronômica no charmoso centro de Garibaldi; a fábrica de vidros Madelustre; o histórico hotel Casacurta; a Casa Di Paolo; e o tradicional Dall’Onder Grande Hotel.

Luiz Argenta Vinhos e Espumantes oferece aos turistas a Colheita Experience
Foto: Moresco Fotografia / Divulgação

Luiz Argenta Vinhos e Espumantes
Av. 25 de Julho, 700 - Flores da Cunha - (54) 3292-4477

Considerada uma das vinícolas mais bonitas do Brasil, a Luiz Argenta oferece atividades capazes de preencher um dia inteiro e  fazer qualquer turista se esbaldar nas fotos. Dá para começar indo direto para os parreirais (batizados com nomes de personalidades como Roberto Carlos, Elis Regina e Ayrton Senna), caminho realizado a bordo de um ônibus ao estilo militar. 

O terreno é realmente extenso, e o veículo estaciona em lugares estratégicos para se ter uma vista mais bonita e onde, claro, é possível realizar a colheita das uvas. Todo mundo ganha tesoura e caixas de plástico para depositar os cachos. Os turistas também recebem chapéus, que deixam os registros em meio às videiras ainda mais estilosos.

De volta ao prédio, uma boa pedida é conhecer a cave – onde os vinhos ficam repousando com temperatura e iluminação adequadas até estarem prontos. Uma das particularidades mais bacanas da Luiz Argenta é que as bebidas lá ganham sabor ao som de Tom Jobim. Caixas de som instaladas na cave tocam a bossa nova do carioca dia e noite. Aproveitando essa mesma trilha sonora, o turista pode participar de uma experiência de degustação às cegas de rótulos da vinícola, outro bom momento para ser registrado.

A visita se completa com o menu sazonal do Clô Restaurante. Além dos pratos cheios de delicadeza, a vista panorâmica do estabelecimento oferece mais momentos de contemplação dignos de post.

:: Tour e degustação: de segunda a sábado, às 10h, 14h e 15h; e aos domingos e feriados, às 10h30min, 14h30min e 15h30min.R$ 60 por pessoa (ganha uma taça e degusta quatro rótulos).
:: Cave Experience: sextas e sábados, às 15h30min. R$ 130 (ganha uma taça e um lenço e degusta quatro rótulos ícones).
:: Clô Restaurante: de terça a domingo, das 12h às 15h. Sequência de quatro pratos. R$ 119, mais bebidas.
:: Colheita Experience: passeio pelos vinhedos, colheita da uva, degustação exclusiva às cegas na cave e almoço harmonizado no Clô Restaurante. Para grupos de até 15 pessoas. R$ 390 por pessoa ou R$ 750 o casal.

Don Guerino Vinhos Finos
Foto: Divulgação / Divulgação

Don Guerino Vinhos Finos
Rua Nova Alemanha, 909 - Alto Feliz (51) 3445-1111

A região dos arredores de Feliz é mais conhecida por sua produção de cervejas, mas basta entrar no pequeno município de Alto Feliz para descobrir um oásis do enoturismo. A Don Guerino tem 55 hectares de vinhedos próprios, que, nesta época do ano, estão muito verdes e carregados de uvas. Sempre que podem, os integrantes da família Motter, administradores do empreendimento, recebem os turistas para dar mais detalhes sobre cada um dos processos que ocorrem por lá. O casal Osvaldo e Salete, e os filhos Bruno, Maicon e Lucas gostam muito de compartilhar a história super familiar da Don Guerino.

Um dos diferenciais mais instagramáveis da Don Guerino é um deck ao ar livre, onde o pôr-do-sol ganha os tons ímpares das videiras. Lá também funciona um restaurante, comandado pelo filho caçula dos Motter, que oferece um menu com segredos da matriarca, Salete. 

:: Tours e visitações: segunda a sexta, das 10h às 15h; e aos sábados, às 11h. R$ 50 (degustação de seis rótulos e ganha uma taça de cristal personalizada). Reservas pelo reservas@donguerino.com.br ou WhatsApp (51) 98064-9921.
:: Wine bar: aos sábados, das 11h às 17h30min.
:: Restaurante: almoços aos sábados das 12h às 15h com três opções de menu harmonizados para grupos (sob agendamento).

Wine Movie Peterlongo, em Garibaldi
Foto: Jeferson Soldi / divulgação

Vinícola Peterlongo
Rua Manoel Peterlongo, 216 - Garibaldi (54) 3462-1355

Visitar o complexo da Peterlongo é uma ótima pedida para quem curte história. Isso porque a vinícola tem mais de 100 anos de atuação. No tour guiado oferecido por lá, o turista conhece a trajetória do italiano Manoel Peterlongo, que incentivou o cultivo de uvas brancas finas na Serra e foi pioneiro ao criar o primeiro espumante do Brasil, em 1913. A tradição se manteve e, até hoje, a Peterlongo é a única vinícola do país a ter um rótulo autorizado a ser chamado oficialmente de “champagne”.

Mas para quem quer aliar a experiência com belas postagens no Instagram, o grande momento fica mesmo por conta das noites de Wine Movie. Trata-se de uma sessão de cinema montada em frente a uma plantação de uvas, ao ar livre. O filme é harmonizado com pipoca (oferecida gratuitamente) e espumante, claro. O público se acomoda em charmosas almofadas e tem direito à mantinha, quando a noite está fria – ou seja, quase sempre.

:: Atendimento: de segunda a sábado, das 8h às 17h30min; e aos domingos e feriados, das 8h às 17h. Agendamento: pelo (54) 98119-6788.
:: Degustação: R$ 49 por pessoa.
:: Wine Movie Peterlongo: ocorre mensalmente, e a próxima edição é no dia 22, é com o filme “Nasce uma Estrela”.  Ingresso: R$ 40 (antecipado).

Wine Garden na Vinícola Miolo
Foto: Wine Garden Miolo / Divulgação

Vinícola Miolo
RS-444, Km21 - Bento Gonçalves  (54) 2102-1500

A Miolo é, certamente, um dos endereços mais instagramáveis do Vale dos Vinhedos. Qualquer pedacinho do complexo da vinícola parece habitar uma aba do Pinterest. Além de visualmente linda, a área externa abriga diversas atividades para atrair o público. Uma das mais tradicionais é o Wine Garden, que convida os turistas a se acomodarem por um imenso gramado, rodeado por parreirais, açude e foodtrucks, onde também rolam shows. 

Esse mesmo espaço vai receber em fevereiro o Carnavale, outra ótima opção para visitar a vinícola, desacelerar o tempo, respirar o ar puro próximo da natureza, além de comer e beber muito bem. 

Durante a vindima, a Miolo oferece uma experiência mais “gringa”, colocando os turistas para pisar uva e saborear um “merendim” (como eram chamados os lanches feitos pelos agricultores em meio à vindima), com itens típicos da culinária serrana, como grostoli, salame, copa, queijo colonial e uva, claro. 

:: Visitação turística: contempla a vinícola, os vinhedos e degustação de quatro rótulos. R$ 35, com bônus de R$ 10 para compras na loja da vinícola.
:: Wine Garden: sempre às sextas, sábados, domingos e feriados, das 10h às 18h. Entrada franca.
:: Vindima no Vale na Miolo: até o dia 7 de março, sempre às quartas e sábados. Visita à vinícola, pisa das uvas, merendim, músicas típicas italianas e degustação de suco, vinhos e espumantes. R$ 120 por pessoa e R$ 60 (crianças e adolescentes até 17 anos).
:: Carnavale: de 21 a 25 de fevereiro, das 10h à meia-noite. Shows de rock, comidinhas, cinema, além de muito vinho e espumante dão o tom da programação. Entrada franca. Informações pelo eventoswinegarden@gmail.com ou pelo WhatsApp (54) 99661-2150.

Destemperados, Dal pizzol, vinícola
Foto: Diego Fabris / Especial

Dal Pizzol Vinhos Finos

ERS-431, Km 5,3 - Distrito de Faria Lemos em Bento Gonçalves - (54) 3449-2255

Eis aqui um lugar para ser visitado (e registrado) em família, tanto que o complexo costuma ser chamado de parque. Isso porque oferece a oportunidade de passar um dia bem perto da natureza, onde se pode jogar comida aos peixes, contemplar a beleza dos pavões e se divertir com o balido da ovelhas que circulam soltas por lá. Com espaços de descanso espalhados por todo parque, a boa é deixar as crianças curtirem o ambiente e reunir todo mundo para saborear um piquenique na sombra das árvores. 

Um diferencial muito legal da Dal Pizzol é a presença do Vinhedo do Mundo, a maior coleção de uvas privadas da América Latina, com 400 variedades vindas de 35 países. Passear por lá é como dar uma volta no globo guiada por diferentes formatos e cores das uvas. Impossível não querer fotografar essa “viagem”.

Outro atrativo do parque é um restaurante, que oferece almoços aos sábados e domingos.

:: Parque Temático do Vinho e Vinhedo do Mundo: de segunda a sexta, das 9h às 17h; e sábados, domingos e feriados, das 10h às 16h30min. R$ 20 por pessoa.
:: Ristorante Dal Pizzol: sábados e domingos, das 11h30min às 15h, com sequência de massas, risotos e carnes. R$ 80, sem bebidas.

Enoturismo na Vinícola Aurora
Foto: Eduardo Benini / Divulgação

:: Cooperativa Vinícola Aurora
ERS-431, Km 5,3 - Distrito de Faria Lemos em Bento Gonçalves - (54) 3449-2255

Diferente da maior parte das outras vinícolas, a Aurora está localizada na área central de Bento. Uma particularidade do lugar nesta época do ano pode ser contemplada até mesmo por quem passa pela rua. É o recebimento de quilos e mais quilos de uvas, trazidas diariamente pelos produtores cooperados. O interior da Aurora é recheado de história, e um dos espaços mais bonitos para quem gosta de fotografar é onde ficam enormes pipas de madeira ornamentadas com as bandeiras de todos os países para os quais a Aurora já exportou seus produtos. 

Para quem curte aprender mais sobre vinhos, as visitas guiadas podem ser estendidas com um minicurso, mais uma chance para fazer aquele boomerang balançando a taça de vinho.

Tour guiado: de segunda a sábado, das 8h15min às 17h15min; e no domingo, das 8h30min às 11h30min. Entrada franca.

Visita com minicurso Uvas & Vinhos: até o início de março, de segunda a sexta-feira, às 15h30min. Entrada franca, mas precisa reservar pelo (54) 3455-2095 ou turismo@vinicolaaurora.com.br.

:: OPÇÕES VÃO ALÉM DA UVA

Sítio Crescer faz parte da Via Orgânica
Foto: Siliane Vieira / Agência RBS

Sítio Crescer
Rua A - Garibaldi - (54) 98145-0037

Mas nem só de uva, vinhos e videiras sobrevivem os posts da Serra durante a vindima. Quem visita a região também pode aproveitar para passear por outros endereços tão cheios de identidade e personagens interessantes quanto as vinícolas. 

Não precisa nem ter muita afinidade com a fotografia para fazer bons cliques neste lugar. O cenário rural do Sítio Crescer é realmente de tirar o fôlego. Entre as experiências oferecidas estão colher frutas da época direto do pé, pescar, nadar no açude, montar uma cesta de piquenique, saborear delícias orgânicas e até contemplar o céu estrelado da varanda do quarto (lá tem pousada e hostel). O tour guiado do espaço é chamado carinhosamente de sítio tour.

O casal Ana Cláudia e Damian Chiesa são ótimos anfitriões, mas nada se compara à simpatia descomunal da Lessi (foto acima), a border collie do Crescer. Ela faz questão de receber todos com o mesmo entusiasmo, adora afagos e curte dar show entrando no açude para depois sacudir seu pelo molhado. Outro mascote da casa é o Max, igualmente simpático. A dupla certamente está na lista de “itens” mais fotografados do espaço. 

Ah, vale lembrar que o sítio integra a Via Orgânica, roteiro com outros estabelecimento de Garibaldi que produzem alimentos orgânicos. 

:: Visitação: sem guia, não há custo. Com guia, R$ 10.
:: Pesca: permitida para quem é hóspede, participante de evento, ou mediante agendamento com antecedência.
:: Hospedagem: de R$ 50 a R$ 150.

Turismo na Casa da Ovelha
Foto: Lucinara Masiero / Divulgação

Parque da Ovelha
Rod. Linha Palmeiro, 400 - Distrito de São Pedro, Bento Gonçalves - RS (54) 3455-6320

O nome é autoexplicativo. No parque vivem muitas ovelhas, e uma das principais atrações do lugar é justamente poder interagir com elas. Quer coisa mais instagramável que uma foto sua dando mamadeira de leite para uma ovelha filhote? Este é o passeio ideal para isso. 

Mas o parque reserva ainda muitas outras experiências típicas de uma clássica fazenda pastoril, como a tosquia, a movimentação dos cães Border Collie ao conduzir as ovelhas, e o voo de gaviões, falcões e corujas.

Outra atração do parque é a loja, com produtos fabricados 100% com leite de ovelha.

:: Horários: segundas, das 9h30min às 17h30min e demais dias das 9h às 17h30min (loja). Última entrada para o parque é às 16h. R$ 80 (geral) e R$ 40 (idosos e crianças de 6 a 10 anos). Crianças com até cinco anos não pagam.
:: Uma aventura com o pastor: R$ 120 (geral), R$ 60 (idosos e crianças de 6 a 10 anos. Crianças com até cinco anos não pagam.

 GARIBALDI, RS, BRASIL, 09/10/2016 -  Madelustre, em Garibaldi, lança roteiro turístico ¿A Magia do Vidro¿, com conceitos da escola de Murano, na Itália. (JONAS RAMOS/AGÊNCIA RBS)
Foto: Jonas Ramos / Agencia RBS

Madelustre
Rua Cristóvão Colombo, 190 - Garibaldi (54) 3462-9500

Passeio bem diferente em meio a rota de empreendimentos enoturísticos, a Madelustre chama atenção principalmente por abrir as portas de sua fábrica de vidro, forjada com os conceitos da escola de Murano. É realmente impressionante acompanhar a destreza dos artistas que moldam o vidro no fogo. 

Ah, mas antes de ir embora, não esqueça de registrar aquela foto ao lado da maior taça de espumante do mundo, xodó da Madelustre. A peça integrou o Livro dos Recordes em 2013 (mede 2m19cm de altura e pesa 33 quilos). 

:: Visitação: de segunda a sábado, das 9h às 17h. R$20

Lara Ely, cicloturismo, serra gaúcha, Que tal de Bike?
Foto: Lara Ely / Agencia RBS

Que tal de bike?

Nada melhor que um vídeo em movimento para testar se você é bom mesmo em fazer stories para o Instagram. Essa iniciativa de cicloturismo é encabeçada pela Rede Dall’Onder e propõe trajetos por cenários do interior como o Vale dos Vinhedos e os Caminhos de Pedra. 

:: Informações: (54) 99664-2285.

Chocolates Devorata
Avenida Independência, 842 - Garibaldi (54) 3462.7263

A visita valeria de qualquer forma para saborear as trufas artesanais feitas a partir das receitas secretas de Ju Milani. Mas o espaço também rende muito para quem procura aquele diferencial na hora de fotografar e gravar. Lá, dá para ver todo o processo de preparação dos produtos através de um vidro. São imagens fortes... de muito chocolate derretido escorrendo. 

:: Funcionamento: de segunda a sexta, das 9h às 17h30min; aos sábados, das 9h às 17h; e aos domingos, das 10h às 16h. Visitação gratuita.

 BENTO GONÇALVES, RS, BRASIL, 16/07/2019 - A Union Distillery, no Vale dos Vinhedos, é a primeira destilaria no Brasil a abrir as suas portas para o turismo de experiência. Fizemos o passeio guiado pelo supervisor comercial, Volnei Trintinaglia, seguido da degustação dos whiskys produzidos pela empresa. (Marcelo Casagrande/Agência RBS)
Foto: Marcelo Casagrande / Agencia RBS

Union Distillery
Rota Vale dos Vinhedos - Bento Gonçalves (54) 3452-5000

Se o seu negócio é o turismo etílico, saiba que nem só de vinhos e espumantes vive a Serra. Bento Gonçalves inaugurou no ano passado o tour do whisky. A proposta é oferecida pela Union Distillery, que atua desde os anos 1970 como fornecedora de matéria-prima, mas que agora passa a oferecer seu whisky próprio. O passeio inclui visita à fábrica (o processo é bem diferente do visto nas vinícolas) e, claro, degustação dos produtos. 

:: Horários: segunda (14h30min às 16h30min), terças a sábados e feriados (9h30min às 16h30min). R$ 40, inclui visita guiada, taça e degustação. 

Cervejaria Leopoldina
BR-470, Km 224 - Garibaldi (54) 3388-3999

Para aqueles que são mais chegados numa cerveja gelada, boa atração em Garibaldi é a Leopoldina, empreendimento da Famiglia Valduga. O espaço é lindo para saborear a bebida ao ar livre. Os mais interessados podem acompanhar uma visita guiada para entender os detalhes de cada rótulo produzido por lá.  

::Horários: de segunda a sábado, das 9h30min às 17h.
:: Visitação pela fábrica: R$ 30 por pessoa (ganha uma taça personalizada).

Leia também
Clube União Forquetense recebe mais uma edição do Republik BierFest em março
Sinônimo de refinamento e simplicidade: conheça a pesquisadora de moda caxiense Beth Venzon 
Brechó Chicão abre trabalhos de 2020 neste domingo, em Caxias 

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros