Frei Jaime: quantos encontros acontecem por causa da saudade e das experiências vivenciadas  - Cultura e Tendência - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Opinião21/01/2020 | 06h15

Frei Jaime: quantos encontros acontecem por causa da saudade e das experiências vivenciadas 

A vida acontece ao longo das horas do dia

Frei Jaime Bettega
Frei Jaime Bettega

jaime@ofmcaprs.org.br

Bom Dia! Acordando aos poucos... pensando nas diferentes ocupações deste dia... agradecendo por estar vivo e ter saúde... Que esta jornada  seja mais uma oportunidade que Deus oferece, porque nos ama profundamente! Feliz terça-feira! 

"Saudade é feito gripe. De noite piora bastante." (Pedro Pondé). 

A vida acontece ao longo das horas do dia. O amanhecer é convite à ação, enquanto o anoitecer se faz solidão. Recolher-se é uma necessidade inata, um desejo que praticamente independe da vontade. Em tempos de muito barulho e agitação, cresce a busca por aquietar-se, para deixar os pensamentos embalar a calmaria. O anoitecer é interessante e instigante: quando o corpo diminui os movimentos, os sentimentos afloram. Uma companheira das noites e das madrugadas é a saudade. 

Na claridade a saudade parece ter menos espaço. Quando o sol se põe, as lembranças disputam espaços e a saudade praticamente se esbalda. São muitos os sentimentos que seguem na companhia, durante as 24 horas de um dia, mas a saudade é insistente e decidida. 

Leia mais
Quer ler mais textos do Frei Jaime?
Clique para conferir textos dos colunistas do Pioneiro  

À noite, a saudade piora, ao ponto de provocar lágrimas. Mas se não fosse a saudade, o ontem não teria memória. Quem sente saudade é mais feliz, pois é capaz de trazer presente o que marcou profundamente e que faz viver com mais intensidade e amor. Os momentos passam, a saudade registra. Quantos encontros acontecem por causa da saudade e das experiências maravilhosas vivenciadas em outros tempos. As noites não seriam tão belas se não existisse a saudade. 

Quando tudo se acalma, os sentimentos ocupam todos os espaços e fazem o coração pulsar de um outro jeito. É interessante como muitas pessoas aproximam a saudade da tristeza. Não é a melhor atitude, pois quem não sente saudade desconhece o amor. A experiência de amor, em todos os sentidos, é o registro mais inteligente do cérebro. Se a dor é marcante, o amor é determinante. Viver é amar, é realizar o bem, semeando e colhendo flores e frutos, sonhando e adequando prioridades, buscando incessantemente o melhor para cada momento, transportando tudo para a eternidade. Vive mais leve quem aceita sentir saudades. 

Se não fosse dado um espaço à saudade, os dias e as noites não aguentariam as exigências da racionalidade. Como faz bem criar pequenos intervalos, ao anoitecer, e permitir que a saudade se embale no melhor lugar: o coração. 

Bênção! Paz & Bem! Santa Alegria! Abraço!

Leia também
Jovem perde R$ 5 mil em golpe da falsa namorada em Caxias Homens são presos e cães em situação de maus-tratos recolhidos em Caxias  

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros