Frei Jaime: o ano só será novo se o coração não se distanciar do amor - Cultura e Tendência - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Opinião01/01/2020 | 06h30Atualizada em 02/01/2020 | 08h26

Frei Jaime: o ano só será novo se o coração não se distanciar do amor

Há um só desejo: que o melhor aconteça, que a paz se estabeleça, que o amor se fortaleça

Frei Jaime Bettega
Frei Jaime Bettega

jaime@ofmcaprs.org.br

Bom Dia! Acordando aos poucos... Nem parece verdade, mas estamos no primeiro dia do novo ano: 1º de janeiro de 2020! De uma forma muito criativa, o primeiro dia do novo ano é dedicado à paz! O pão é necessário, mas a paz é condição para conseguir o pão! Vivamos com entusiasmo este novo tempo: Dia Mundial da Paz, festa da Mãe de Deus! Então, Feliz Ano Novo! 

"2020: o ano que farei do meu ser, o meu maior investimento." (Diego Vinicius). 

No primeiro dia do ano, os bons propósitos se movimentam, interligando o vocabulário com o coração. Há um só desejo: que o melhor aconteça, que a paz se estabeleça, que o amor se fortaleça. A saudação ‘Feliz Ano Novo’ está repleta dos melhores votos, embalados por sentimentos de otimismo e de vibração. A novidade, no entanto, não está no numeral, embora este contenha um simbolismo, que ultrapassa os séculos. Sim, os números falam, possuem uma linguagem própria, quase sempre distante da lógica das exatas. O ano é novo e deseja somar dias, semanas e meses, sem envelhecer. 

Leia mais
Quer ler mais textos do Frei Jaime?
Clique para conferir textos dos colunistas do Pioneiro  

A passagem dos dias não desmerece a vitalidade do ano, o que torna o ano envelhecido é a desistência dos sonhos, o desânimo diante das dificuldades, a falta de objetivos claros, a impaciência quando surgem os contratempos. Nenhum planejamento pode estar muito acima das próprias capacidades, caso contrário não alcançará a realização. Entre os que sonham demais e os que não sabem sonhar, existe uma tênue linha de possibilidades. O compromisso com os próprios sonhos pode ser o melhor parâmetro, para mensurar a passagem dos dias. 

Talvez o ideal seja diminuir a quantidade de desejos, para permanecer mais próximo do realizável. Porém, existe um ponto de partida que pode sustentar as melhores buscas: investir em si mesmo. Quando uma pessoa faz da própria existência o maior investimento, significa que ela está atenta ao essencial: ser para viver. Já pertence ao passado o tempo em que a maior prioridade era o ter. Não são poucos os que têm bastante, mas carecem de paz, harmonia e de transcendência. O ano só será novo se o coração não se distanciar da novidade que embala todos os tempos: o amor. Muito amor em 2020. 

Bênção! Paz & Bem! Santa Alegria! Abraço!

Leia também
Jovem perde R$ 5 mil em golpe da falsa namorada em Caxias Homens são presos e cães em situação de maus-tratos recolhidos em Caxias  

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros