Exposição em Caxias do Sul reúne sapatos de diferentes épocas - Cultura e Tendência - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Memória12/11/2019 | 10h22Atualizada em 12/11/2019 | 10h22

Exposição em Caxias do Sul reúne sapatos de diferentes épocas

Mostra segue em cartaz até janeiro, no Museu Municipal

Exposição em Caxias do Sul reúne sapatos de diferentes épocas Antonio Valiente/Agencia RBS
Foto: Antonio Valiente / Agencia RBS

Couro animal ou borracha. Cores sóbrias ou chamativas. Proteção para os pés ou adereços de luxo. Pouco importa de que material são feitos, aparência ou finalidade. Fato é que os sapatos nos acompanham até nos momentos mais banais do cotidiano, fazem parte do nosso caminho. E, como já é de se imaginar, carregam um bocado de histórias.

Pensando nisso, o Museu Municipal de Caxias do Sul abre nesta terça-feira (12) a exposição temporária Sapatos que pisam caminhos diferentes. A mostra reúne oito modelos que datam dos anos 1930 aos dias atuais: do tamanco de madeira à chuteira de futebol, da bota dos tropeiros ao sapato social.

O objetivo da curadoria não se limita a traçar um panorama histórico sobre os calçados utilizados na região. A principal provocação está no exercício de empatia, ao mostrar que, em meio a tantos passos percorridos, sempre existem pedras no caminho — ou calos adquiridos pelo tempo.

 CAXIAS DO SUL, RS, BRASIL (11/11/2019)Exposição no Museu Municipal de Caxias do Sul reúne sapatos de diferentes épocas. (Antonio Valiente/Agência RBS)
Foto: Antonio Valiente / Agencia RBS

— É uma exposição com viés subjetivo, no sentido de se colocar no lugar do outro, de calçar um sapato desconfortável para entender que todos nós temos caminhos diferentes, com alegrias e sofrimentos. O sapato é um objeto extremamente significativo — explica a diretora da Divisão de Museus da Secretaria da Cultura, Daniela Fraga.

Todas as peças da mostra foram pinçadas da reserva técnica do museu — acervo que guarda cerca de 10 mil itens, incluindo 123 pares de calçados. Entre tantas histórias, chama atenção um tamanco de madeira e couro da década de 1940. O diferencial não está na aparência do calçado, muito comum entre os agricultores da época, mas no fato de nunca ter sido utilizado – inclusive ainda mantém a etiqueta de novo. O item ficou à venda por anos no mercado Sirtoli, um armazém de secos e molhados da 4ª Légua.

Para dialogar com os objetos, a equipe do Museu Municipal também selecionou um conjunto de textos literários, de Mário Quintana a Eduardo Galeano. Em comum, a temática dos pés, das trilhas percorridas.

 CAXIAS DO SUL, RS, BRASIL (11/11/2019)Exposição no Museu Municipal de Caxias do Sul reúne sapatos de diferentes épocas. (Antonio Valiente/Agência RBS)
Foto: Antonio Valiente / Agencia RBS

Sapatos que pisam caminhos diferentes fica em cartaz até 24 de janeiro, com entrada gratuita. O tempo prolongado de exposição, segundo Daniela, visa atrair um público mais heterogêneo.

— Enquanto no período letivo recebemos muitas escolas, nas férias, o público fica mais diversificado. Por isso também pensamos em oferecer temáticas variadas nas mostras temporárias — conclui.

PROGRAME-SE
:: O que:
exposição Sapatos que pisam caminhos diferentes.
:: Visitação: de 12 de novembro a 24 de janeiro.
:: Horários: de terça a sexta, das 9h às 17h; aos sábados, das 11h às 17h.
:: Onde: Museu Municipal de Caxias do Sul (Rua Visconde de Pelotas, 586).
:: Quanto: entrada gratuita.

Leia também:
Caxiense mostra obra na 1ª Bienal de Arte Têxtil Contemporânea, em Porto Alegre
Escola Criativa de Caxias ganha plataforma online de ensino
Memórias do MDBF: Bill "Howl N' Madd" Perry viveu sufoco no ano passado

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros