Frei Jaime: a vida é feita de diferentes etapas, interligadas e interdependentes - Cultura e Tendência - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Opinião19/09/2019 | 05h50Atualizada em 19/09/2019 | 08h51

Frei Jaime: a vida é feita de diferentes etapas, interligadas e interdependentes

A infância nunca se despede da essência de um adulto, muito menos a juventude

Frei Jaime Bettega
Frei Jaime Bettega

jaime@ofmcaprs.org.br

Bom Dia! A quinta-feira chega lentamente e nos convida para uma nova jornada... No Rio Grande do Sul, véspera de feriado da Revolução Farroupilha... O amor aos valores que não envelhecem merece ser celebrado... Feliz quinta-feira! 

Há crianças feridas, escondidas em adultos ‘difíceis’”. 

Leia mais
Quer ler mais textos do Frei Jaime?
Clique para conferir textos dos colunistas do Pioneiro 

A vida é feita de diferentes etapas, interligadas e interdependentes. A infância nunca se despede da essência de um adulto, muito menos a juventude. A chegada de um novo momento existencial não descarta o que foi vivido até então. Não são poucos os que sentem saudades do tempo de criança ou da intensidade da convivência, durante o período juvenil. Os primeiros anos de vida são determinantes para a construção da personalidade. 

Tudo o que se passa no período da infância, de um jeito ou de outro, reflete na personalidade adulta. Cuidar e investir nas crianças sempre foi o segredo da realização pessoal e da dignidade na convivência social. Os sofrimentos infantis podem influenciar no jeito de ser da vida adulta. A tentativa de compreensão do contexto de algumas pessoas consideradas difíceis, permite diagnosticar como a infância se sucedeu. As feridas não tratadas, cedo ou tarde, acabam provocando outras dores e até revoltas. 

As doenças emocionais nem sempre são consideradas. Encarregar o tempo para determinadas cicatrizações pode ser arriscado e incerto. A superação é possível, quando há um profundo desejo de viver de forma mais leve e sem aquela angústia, que torna os dias indiferentes. É interessante perceber o quanto a vida é plena, quando o emocional é cuidado adequadamente. O ontem não volta, mas pode impor suas marcas, que alcançam facilmente a memória e os sentimentos. 

Nem sempre é possível se libertar de determinados registros doloridos. Porém, a maturidade ajuda na acomodação de algumas emoções, através da compreensão. Outra saída é conseguir ver o lado positivo que algumas dores proporcionam. Nenhum evento humano é totalmente ofensivo. Sempre há um ensinamento, um pequeno facho de luz ou uma consequência benéfica. Viver é estar sempre aprendendo e buscando o significado dos acontecimentos. Bênção! Paz & Bem! Santa Alegria! Abraço!          

 Leia também
Alerta de chuva intensa na Serra permanece até a tarde desta quarta-feira
Em visita à Assembleia, ex-prefeito diz que não tem saudade de mandato eletivo
Jovem é flagrado desmontando motocicleta em Caxias do Sul   

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros