Frei Jaime: a história está repleta de batalhas - Cultura e Tendência - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Opinião20/09/2019 | 06h00Atualizada em 20/09/2019 | 06h00

Frei Jaime: a história está repleta de batalhas

Não poucas vezes fez-se guerras em busca da paz

Frei Jaime Bettega
Frei Jaime Bettega

jaime@ofmcaprs.org.br

Bom Dia! Amanheceu o dia 20 de setembro, dia da Revolução Farroupilha... Feriado no Rio Grande do Sul! Que esse intervalo possa favorecer a convivência e alcançar leveza à vida... Quem estará trabalhando, muita luz e disposição! Alegre sexta-feira! 

As batalhas mais importantes são as que nós lutamos diariamente no silêncio de nossa alma.”

Leia mais
Quer ler mais textos do Frei Jaime?
Clique para conferir textos dos colunistas do Pioneiro 

A história está repleta de batalhas. Não poucas vezes fez-se guerras em busca da paz. O mundo ainda não aprendeu, apesar de todo o desenvolvimento, a privilegiar a paz. A própria dignidade humana ainda é uma utopia. Em muitos lugares a fome continua fazendo vítimas, enquanto outros desperdiçam alimentos. Ainda bem que a esperança não deixa esmorecer o desejo de trazer um pouco do céu à terra. 

Entre todas as batalhas, algumas são mais insistentes e necessárias: as lutas que são empreendidas diuturnamente em busca do bem. Nas profundezas da alma, o bem e o mal disputam espaço e instigam a paciência. No silêncio do coração cada qual sabe o que está incomodando e que necessita ser descartado. Derrotar o egoísmo e o orgulho não é uma tarefa simples, mas indispensável na construção da própria humanização. Em alguns dias, o mal se apresenta furioso e devastador. Nestes momentos é imprescindível reunir as melhores energias para garantir a serenidade, enquanto as adversidades são trabalhadas e harmonizadas. 

O silêncio da alma é o lugar mais sagrado para sonhar a vida e fazer os verdadeiros encaminhamentos, que desencadearão a transformação. Como é bonita a vida das pessoas que estão comprometidas com o próprio ‘eu’ e fazem de tudo para lapidar o que irrita e rouba a paz interior. É evidente que é muito mais fácil querer que os outros mudem. Somente os humildes reconhecem que não são perfeitos e que possuem muitas coisas que precisam ser reformuladas. 

O desejo de ser uma pessoa melhor favorece o entusiasmo e permite que a vida seja dinâmica, em todos os sentidos. Vale a pena empreender muitas lutas para tornar-se a pessoa que foi idealizada, desde sempre. Que o silêncio possa assistir e sustentar as batalhas de cada dia. Bênção! Paz & Bem! Santa Alegria! Abraço!     

 Leia também
Agricultores de Caxias comemoram redução de áreas urbanas no Plano Diretor, mas dois itens preocupam
Invadida por usuários de droga, casa da família Rigotto volta a ser alvo de incêndio em Caxias 
Dois funcionários ficam feridos após explosão de cilindro de gás em empresa de Bento Gonçalves
 

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros