Frei Jaime: a relação humana é uma arte que carrega consigo muitos enredos e desfechos - Cultura e Tendência - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Opinião20/08/2019 | 05h00Atualizada em 20/08/2019 | 05h00

Frei Jaime: a relação humana é uma arte que carrega consigo muitos enredos e desfechos

Aprender a conviver não é uma obrigação, mas uma necessidade 

Frei Jaime Bettega
Frei Jaime Bettega

jaime@ofmcaprs.org.br

Bom Dia! acordando lentamente... recuperando os movimentos... espantando a preguiça... Levantar-se é um ato de coragem, mas que rende muita satisfação... Vamos lá para mais um dia de compromissos e de realizações... Tudo dará certo! 

As pessoas dão sinais. Ninguém faz nada por acaso. Ações falam mais do que palavras, sempre.” 

Leia mais
Quer ler mais textos do Frei Jaime?
Clique para conferir textos dos colunistas do Pioneiro  

A relação humana é uma arte que carrega consigo muitos enredos e desfechos. Aprender a conviver não é uma obrigação, mas uma necessidade. De um jeito ou de outro, a vida é feita de relacionamentos. Quem está seguro de si mesmo, com facilidade percebe a seriedade da outra pessoa ou até mesmo a sua leviandade. Não existem palavras inocentes, nem ações sem consequências. Ninguém faz nada por acaso. Em tudo há uma intenção e um contexto, mesmo que sejam intrínsecos. 

A linguagem mais espontânea são as ações. O fazer sempre será uma extensão do ser. É difícil alguém sustentar ações que não tenham uma correspondente pretensão. Ao longo do tempo de convivência, as pessoas vão dando sinais. É praticamente natural desconsiderar algumas palavras ditas fora do contexto. Mesmo que surja uma certa desconfiança, é normal não levar em conta o que a outra pessoa pronunciou aleatoriamente. Porém, quando os pontos são interligados, fica mais fácil perceber que existe uma conexão e, consequentemente, uma intenção. 

Não se trata de desconfiar de todas as palavras e gestos, mas convém prestar atenção, pois as pessoas se revelam também na distração. Um jeito para não afetar belos relacionamentos é não criar muita expectativa em relação aos outros. Todas as pessoas, por melhores que sejam, não deixam de carregar consigo limitações e falhas. A decepção ganha proporção não porque a pessoa errou, mas porque você pensou que ela fosse perfeita. Toda expectativa exagerada pode render desconforto. 

O ponto de partida é o realismo: os humanos podem falhar. Mas é bom não esquecer que as pessoas sempre vão dar sinais. Convém prestar atenção, sem desconfiança, mas com a perspicácia de quem está disposto a eternizar os laços de amizade e de pertencimento mútuo. Quem carrega consigo a profundidade do existir é capaz de ler todos os sinais, até mesmo os mais discretos e praticamente invisíveis. Viver é uma aventura maravilhosa. Bênção! Paz & Bem! Santa Alegria! Abraço!   

 Leia também
Badesul e BNDES poderiam auxiliar indústria de vinhos com linhas de financiamento
"Não pense em dinheiro, ele será a consequência", ensina jovem empresário de Caxias
Caxias ainda está 16,9 mil vagas distante do que absorvia em 2013

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros