Exposição que exalta vivências femininas abre nesta quinta-feira, em Caxias - Cultura e Tendência - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Arte14/08/2019 | 08h00Atualizada em 14/08/2019 | 08h00

Exposição que exalta vivências femininas abre nesta quinta-feira, em Caxias

Obras de Marina Luísa estarão à mostra no Reffugio Art Café

Exposição que exalta vivências femininas abre nesta quinta-feira, em Caxias Marina Luísa Almeida/Divulgação
Foto: Marina Luísa Almeida / Divulgação

Cores vivas, estilo visceral, mensagem contundente. Basta dedicarmos um olhar atento para as telas de Marina Luísa para percebermos que intensidade é uma característica marcante em sua obra, que ganha destaque a partir desta quinta-feira (15) no Reffugio Art Café, com a exposição MAR(ina).

Leia mais:
Exposição em Caxias aborda perseguição aos negros durante a Segunda Guerra Mundial

A mostra reúne cerca de 15 trabalhos da produção recente da artista, que mescla técnicas como tinta acrílica sobre tela, colagem e ilustrações sobre papel. Flertando com o surrealismo de Frida Kahlo, as obras exaltam o corpo feminino e retratam os conflitos existenciais das mulheres na contemporaneidade, passando por questões como objetificação, sofrimento e prazer.

— Minhas obras apresentam mensagens fortes sobre a vivência da mulher na sociedade. É como uma crítica, algo que estou cansada de lidar e observar. Gostaria que as pessoas tivessem essa percepção, ou até mesmo empatia diante das situações retratadas. Eu coloco meus próprios conflitos nas obras, mas acredito que são situações que todas as mulheres enfrentam — reflete a artista.

Tela da exposição MAR(ina), de Marina Luísa Almeida, em cartaz a partir de 14/08, no Reffugio Art Café
Foto: Marina Luísa Almeida / Divulgação

Radicada na Serra há quase 10 anos, Marina despertou para o estudo e experimentação das cores em 2014, influenciada pela estética vibrante do cineasta espanhol Pedro Almodóvar, do premiado Tudo Sobre Minha Mãe (1999). Mulher trans, com 26 anos e natural de São Luís do Maranhão, é hoje uma das vozes autorais da nova cena artística de Caxias do Sul – que, mesmo num cenário de cortes de incentivos públicos para fomento (vide Financiarte), encontrou na colaboração e nos espaços alternativos uma forma de resistir e criar.

— Marina faz parte de um grupo de jovens que têm criado um novo respiro de arte por aqui. Tem um movimento, já faz uns dois ou três anos, de gente com muita vontade de fazer, experimentando muito mais, com muita coisa pra dizer. Seria muito interessante que as pessoas que gostam de arte olhassem mais para esses jovens artistas — defende Rafael Dambros, que assina a curadoria.

MAR(ina), que segue aberta para visitação até 12 de setembro, é a segunda exposição individual de Marina Luísa — a primeira foi no início do ano, quando exibiu suas telas no Mercado Santa Tereza. A artista também participou de mostras coletivas, com destaque para SOU Mulheres Artistas, em março, no shopping Prataviera, e EXPO I, em maio, no Café Anexo.

PROGRAME-SE
:: O que:
abertura da exposição MAR(ina), da artista Marina Luísa, com curadoria de Rafael Dambros.
:: Quando: nesta quinta (15), às 19h30min.
:: Onde: Reffugio Art Café (Rua Tronca, 3.485).
:: Visitação: até 12 de setembro; de segunda a quinta, das 15h30min às 21h; sextas e sábados, das 15h30min às 19h.
:: Quanto: entrada gratuita.

Leia também:
Conheça o trabalho da cantora caxiense Duda Cavalheiro
Agenda: ingressos para show inspirado nos musicais da Broadway estão à venda em Caxias
Grife caxiense veste personagem Maria da Paz, da novela "A Dona do Pedaço"

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros