Dia da Visibilidade Lésbica terá sarau literário, caminhada e festa em Caxias do Sul - Cultura e Tendência - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Diversidade28/08/2019 | 17h09Atualizada em 29/08/2019 | 10h00

Dia da Visibilidade Lésbica terá sarau literário, caminhada e festa em Caxias do Sul

Atividades ocorrem nesta quinta, a partir das 8h

Dia da Visibilidade Lésbica terá sarau literário, caminhada e festa em Caxias do Sul Lucas Amorelli/Agencia RBS
Foto: Lucas Amorelli / Agencia RBS

— Como eu descreveria minha luta? É uma luta de coragem. Porque é difícil, né? Eu já enfrentei muito preconceito, principalmente na minha adolescência. Por isso eu digo que é preciso ter coragem.

A empresária Tatiana Gonçalves, 47 anos, mantém voz convicta ao relembrar a própria trajetória na luta pelo direito básico de existir, sem medo e sem obstáculos. Tai, como é conhecida por amigas e companheiras de causa, integra a Marcha Mundial das Mulheres e é uma das organizadoras do Dia da Visibilidade Lésbica em Caxias do Sul.

A data é celebrada em todo o país para recordar o 1º Seminário Nacional de Lésbicas, realizado no Rio de Janeiro, em agosto de 1996. Na época, o casamento homoafetivo ainda não era reconhecido, assim como não era permitida a adoção de crianças por duas pessoas do mesmo sexo. Também era incomum a presença de personagens LGBT na teledramaturgia – vale lembrar do emblemático caso da novela Torre de Babel, de 1998, onde o casal vivido pelas atrizes Christiane Torloni e Silvia Pfeifer foi rejeitado pelo público e o autor Silvio de Abreu acabou matando as personagens na explosão de um shopping.

Apesar de alguns avanços nos últimos 23 anos, como casamento, adoção e maior representatividade na mídia, o Brasil ainda ostenta o indesejado título de lugar mais inseguro para a comunidade LGBT. Conforme o Dossiê sobre Lesbocídio no Brasil, foram registradas 54 mortes de mulheres lésbicas ou bissexuais no país em 2017 — um aumento de 237% em relação a 2014.

Não bastassem os números, a eleição de Jair Bolsonaro para ocupar a presidência da República, mesmo com recorrentes declarações preconceituosas, só fez aumentar as incertezas quando o assunto é visibilidade e direitos humanos.

 CAXIAS DO SUL, RS, BRASIL, 28/08/2019Organizadoras do dia da visibilidade lésbica. (Lucas Amorelli/Agência RBS)
Foto: Lucas Amorelli / Agencia RBS

Foi pensando justamente nesse cenário que Tatiana, ao lado de outras mulheres lésbicas e bissexuais, organizou as atividades que iniciam às 8h desta quinta-feira (28), com discurso da ativista Angela Martins na tribuna livre da Câmara de Vereadores e seguem, às 19h, com sarau de literatura lesbofeminista no Reffugio Art Café. Na sequência, às 22h, uma caminhada sairá em direção à casa noturna Level Cult, onde a programação encerra com a festa Uma Sapatona Destruidora Mesmo.

— Preconceito sempre existiu. Agora ele está um pouco mais explícito por ter alguém dando voz a tudo isso. O importante é não acabar a luta, não voltar para o armário, não permitir os retrocessos, estar na rua fazendo caminhadas e convocando mais mulheres — diz Tatiana, ao defender que a invisibilização também seja debatida dentro do movimento LGBT, onde, muitas vezes, homens gays acabam monopolizando o protagonismo.

Mesmo com programação mais enxuta do que ano passado, quando foram realizados 11 eventos ao longo de uma semana inteira, o 29 de agosto não passará em branco em Caxias do Sul. Afinal, o Dia da Visibilidade está aí para mostrar que resistir em tempos duros também é caminho para novas conquistas.

PROGRAME-SE
:: O que:
Dia da Visibilidade Lésbica em Caxias do Sul.
:: Quando: nesta quinta (28), a partir das 8h.

Atividades
:: 8h:
fala da ativista Angela Martins na Câmara de Vereadores.
:: 19h: sarau literário no Reffugio Art Café (Rua Tronca, 3485).
:: 22h: caminhada do Reffugio até a Level.
:: 23h: festa Uma Sapatona Destruidora Mesmo, na Level (Rua Cel. Flores, 789), com entrada gratuita para quem colocar o nome na lista que circulará no sarau.

Leia também:
Sonora Brasil apresenta Líricas Modernas no Sesc
Conheça a atração de abertura da 35ª Feira do Livro de Caxias do Sul
Bento Gonçalves recebe shows da Festa Nacional da Música em outubro

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
Imprimir
clicRBS
Nova busca - outros