Frei Jaime: os relacionamentos humanos redimensionam a existência e dão sustentação aos dias - Cultura e Tendência - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Opinião26/07/2019 | 04h35Atualizada em 26/07/2019 | 04h35

Frei Jaime: os relacionamentos humanos redimensionam a existência e dão sustentação aos dias

São tantas pessoas que passam pela história de cada um

Frei Jaime Bettega
Frei Jaime Bettega

jaime@ofmcaprs.org.br

Bom Dia! Feliz sexta-feira, dia 26 de julho: dia de São Joaquim e Santa Ana, os avós do Menino Jesus. Por conseguinte, hoje é o dia dos Avós! Gratidão àqueles que não medem esforço para amar e cuidar dos seus netos. Que Deus abençoe e proteja os avós, os nonos e nonas, principalmente os que são esquecidos pelos seus familiares! Como é maravilhoso o encontro das gerações! 

Alguns nos dão as costas e vão embora. Outros nos dão as costas e nos carregam, quando estamos cansados.” (Rachel Carvalho). 

Leia mais
Quer ler mais textos do Frei Jaime?
Clique para conferir textos dos colunistas do Pioneiro  

Os relacionamentos humanos redimensionam a existência e dão sustentação aos dias. São tantas pessoas que passam pela história de cada um: muitas permanecem, outras vão. Ninguém chega e vai sem levar e deixar alguma coisa. O coração tem um tamanho imensurável, ao ponto de sempre sobrar mais um cantinho para aconchegar peregrinos e viandantes. É bem verdade que alguns optam por dar as costas, enquanto outros carregam nos próprios ombros os que estão cansados e desanimados, quase desistindo de seguir em frente. Virar as costas não é elegante, pois não faz parte do conceito comum de educação. O outro pode ter agido inadequadamente, mas ainda assim continua sendo um ser humano e, como tal, merece um olhar respeitoso. 

É urgente aprender a separar a pessoa dos seus atos. É evidente que todos devem se responsabilizar por aquilo que fazem, mas a dignidade de uma pessoa não deixa de existir, pelo fato da mesma ter se manifestado desumana. O número de pessoas, que oferece suas costas para carregar aqueles que estão cansados, é infinitamente maior do que aqueles que viram as costas, por motivos insignificantes. 

Diariamente é possível estar, lado a lado, com pessoas amigas que, se necessário, emprestam os ouvidos, direcionam o olhar, abrem os braços e, além disso, carregam ao colo aqueles que são tocados pela tristeza, por causa de certas dores existenciais. 

A convivência é o espaço de muitos sentimentos e de trocas afetivas, que fazem a vida valer a pena. O segredo é estar sempre disposto a acolher quem está cansado e, com facilidade, acaba tropeçando nas dificuldades que não poupam ninguém. Vive bem que é sensível às necessidades dos outros. Bênção! Paz & Bem! Santa Alegria! Abraço!               

 Leia também
Projeto que torna bancas de jornais e revistas patrimônio imaterial segue sem previsão para votação
Municípios da Serra organizam programação especial para o Dia do Colono e do Motorista
Infrações por falta do uso do cinto de segurança crescem 177% em Caxias do Sul

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros