Palacete histórico de Caxias reabre com ambiente familiar, mas com enfoque comercial - Cultura e Tendência - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Patrimônio histórico28/06/2019 | 17h13Atualizada em 16/10/2019 | 14h58

Palacete histórico de Caxias reabre com ambiente familiar, mas com enfoque comercial

Colavoro Sanvitto abre ao público dia 5 de julho como um espaço colaborativo com estações de trabalho e bistrô

Palacete histórico de Caxias reabre com ambiente familiar, mas com enfoque comercial Luciana Corso Galiotto/Divulgação
Prédio imponente é um dos mais charmosos da Avenida Júlio de Castilhos, no centro de Caxias do Sul Foto: Luciana Corso Galiotto / Divulgação

Para os saudosistas, percorrer a Avenida Júlio de Castilhos não tem mais o charme e o encanto de outros tempos. Boa parte desse desencanto se deve ao fato de que prédios históricos foram cedendo espaço para os arranha-céus de uma Caxias cada dia mais metrópole e menos Pérola das Colônias. 

Entre os raros expoentes de uma arquitetura ainda com traços originais, não só externos, mas sobretudo internamente, é a casa rosada, entre as ruas Garibaldi e Visconde de Pelotas. O palacete da família Sanvitto, concebido nos anos 40, deixa de ser um espaço residencial a partir do dia 5 de julho, e passa a ser conhecido como Colavoro Sanvitto.

Em resumo o Colavoro é a adaptação, com tempero italiano, para o termo coworking, do inglês. No empreendimento da família Sanvitto, sai o working (trabalho) e entra o lavoro. Mas o conceito de espaços compartilhados, uma tendência dos novos tempos, é o mesmo.

— É um negócio da moda, hoje são mais de 1.400 espaços no Brasil. Há vários modelos, desde os temáticos, direcionados para uma ou duas profissões específicas, e outras ideias mais modernas e coloridas, que tem até escorregadores. Nesse sentido, nossa proposta é mais conservadora. Até para seguir uma linha de identidade com a casa fizemos um ambiente mais sóbrio — explica Ítalo Zeni Filho, gestor do empreendimento.

Para se ter uma ideia do custo de um espaço como este, Ítalo propõe o seguinte raciocínio.

— Se tu vai comprar uma sala comercial, precisa planejar um investimento inicial, e também investir em mobílias e equipamentos tecnológicos, além de prever o pagamento de impostos e condomínio. Com menos de R$ 500 por mês, tu podes ter um espaço no Colavoro, com luz, ar condicionado, internet de alta velocidade, limpeza, recepção e, ainda, trabalhar em um lugar bacana e descolado — argumenta.

O Colavoro Sanvitto é um empreendimento de coworking com restaurante, na Avenida Júlio de Castilhos, no centro de Caxias do Sul. O único prédio residencial de Caxias planejado pelo arquiteto Vitorino Zani (1900-1960), que projetou a Igreja São Pelegrino.Inaugura dia 4 de julho e abre ao público dia 5 de julho.
Colavoro Sanvitto é uma das opções centrais para quem busca salas compartilhadasFoto: Luciana Corso Galiotto / Divulgação

O Colavoro Sanvitto é um espaço multiuso, com estações individuais em um ambiente compartilhado, mas também oferece salas pequenas para três a quatro pessoas, um auditório para 25 pessoas, ou ainda, um ambiente informal e mais despojado, com sofás e poltronas.

No subsolo, há um outro ambiente do Colavoro, que vai despertar muito interesse, não apenas para quem está a trabalhar, mas para quem deseja almoçar ou tomar um café ou chá no meio da tarde, em um espaço agradável para esquecer que está na zona urbana de Caxias.

— Dentro do Colavoro Sanvitto, temos ainda uma área de convivência com a grife Amada Cozinha, com alimentos de primeiríssima qualidade e ingredientes frescos. Quem estiver no Colavoro poderá trabalhar nesse ambiente, sentado em poltronas — sugere Ítalo.

No segundo andar, há três salas nobres que podem vir a receber pequenos coquetéis, solenidades mais intimistas como um casamento civil ou ainda exposições de arte, como a que ocorrerá no dia 10, quando serão colocadas à mostra pinturas do artista plástico Júlio Andreazza. A mostra encerra a série sobre natureza-morta, idealizada pelo grupo Conhecendo Arte.

O Colavoro Sanvitto é um empreendimento de coworking com restaurante, na Avenida Júlio de Castilhos, no centro de Caxias do Sul. O único prédio residencial de Caxias planejado pelo arquiteto Vitorino Zani (1900-1960), que projetou a Igreja São Pelegrino.Inaugura dia 4 de julho e abre ao público dia 5 de julho.
Projeto do arquiteto Vitorio ZaniFoto: Luciana Corso Galiotto / Divulgação

Projeto  arquitetônico
Prédio da família Sanvitto foi projetado pelo arquiteto Vitorino Zani (1900-1960), conhecido por idealizar a Igreja São Pelegrino. O Colavoro Sanvitto é um espaço colaborativo, que disponibiliza no subsolo um restaurante/bistrô, e contempla ainda uma área para eventos e exposições culturais.

AGENDE-SE
O quê:
Colavoro Sanvitto
Quando: aberto ao público a partir do dia 5 de julho
Onde: Avenida Júlio de Castilhos, 1.989 - Caxias
Horários de funcionamento: Colavoro (de segunda a sexta, das 9h às 18h15min) e Amanda Cozinha (segunda a sexta, das 10h às 19h e sábados, das 10h às 15h30min)
Informações: (54) 99108.3414 ou www.colavoro.com.br

Leia também
Sociedade por João Pulita
Apesar dos cerca de sete mil itens em acervo, Galeria Arte Quadros segue desconhecida por muitos 
Exposição revela as metáforas da arte que cura
Forqueta tem Festival de Danças neste fim de semana

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros