Nivaldo Pereira: sentido da coragem  - Cultura e Tendência - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Opinião05/04/2019 | 15h48

Nivaldo Pereira: sentido da coragem 

A coragem pressupõe o perigo para se manifestar, não é o gesto confiante em situações sem riscos

Nivaldo Pereira: sentido da coragem  Luan Zuchi/
Foto: Luan Zuchi
Nivaldo Pereira
Nivaldo Pereira

nivaldope@uol.com.br

Sob o céu de Áries, penso em falar da coragem, um dos mais conhecidos atributos do signo do carneiro de fogo. Justifico: vivemos, em todas as esferas, um clima geral de frustração e incerteza, num cenário nebuloso que espalha desesperança, medo e apatia. Está faltando coragem!

Sim, aquela atitude de encarar os desafios apesar do medo. Para não ter dúvida sobre o sentido da coragem, fui ao dicionário e achei: “firmeza de espírito para enfrentar situação emocionalmente ou moralmente difícil”. Ou seja, a coragem pressupõe o perigo para se manifestar, não é o gesto confiante em situações sem riscos. Coragem é estar em pânico mas insistir na batalha, lembrando que até os heróis tremem diante de monstros e dragões.

Leia mais
Nivaldo Pereira: a vontade e a raiva
Nivaldo Pereira: o herói ariano

Eu assumo: falta-me coragem. Quando leio o noticiário e ouço as inquietações dos amigos, sinto ganas de fugir, de procurar longe algum canto de paz e segurança para viver. Mas fugir soa como covardia, o oposto da coragem! Talvez para negar o triste rótulo de covarde, divago da reflexão ao constatar que ando consultando bastante o dicionário, inclusive neste espaço. Por que isso?

Ora, em tempos de distorção dos fatos e negação do real, de notícias falsas, manipulações e um já conhecido esvaziamento do sentido das palavras, o dicionário é um porto seguro de significados a lembrar. É como no romance Cem Anos de Solidão, quando a população de Macondo, acometida pela doença da insônia, passou a esquecer de tudo e teve que escrever em cada coisa seu nome e função.

No atual torpor coletivo, precisamos escrever em letras grandes: CORAGEM – na vidraça, na tela do computador, na lente dos óculos. Para lembrar que coragem, ainda segundo o dicionário, é “qualidade de quem tem grandeza de alma, nobreza de caráter, hombridade”. Se estamos na lama dos baixos instintos e numa crise ampla de valores, convém não esquecer do que nos faz humanos. E se, pelas evidências, andamos perdendo a noção do que é humano, vale recorrer ao velho dicionário.

Nesses tempos belicosos, coragem grande é insistir na grandeza do humano em nós.

Leia também
Quais os alimentos deixam unhas e cabelos mais bonitos e resistentes
"Talvez seja o grande dom do poeta, invadir o sentimento dos outros, senti-lo e transformá-lo em poesia", diz Bráulio Bessa 
Documentário de Médicos Sem Fronteiras é atração no 6º CineSerra neste domingo
Veja a programação cultural da Serra Gaúcha para este final de semana
Dar muito colo é mimar o filho? Veja a opinião de especialistas e de mães

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros