Em 100 dias, Instituto Quindim recebeu mais de 1,2 mil leitores em Caxias do Sul - Cultura e Tendência - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Literatura18/03/2019 | 09h31

Em 100 dias, Instituto Quindim recebeu mais de 1,2 mil leitores em Caxias do Sul

Espaço já contabiliza 80 sócios, 800 livros emprestados e 25 atividades gratuitas ao público

Em 100 dias, Instituto Quindim recebeu mais de 1,2 mil leitores em Caxias do Sul Marcelo Casagrande/Agencia RBS
Yohan desenvolveu o hábito da leitura incentivado pelos pais, Cassiana e Ricardo Dini Foto: Marcelo Casagrande / Agencia RBS

— Eu gosto das histórias de monstros e também do Livro Inclinado.

Yohan lista com facilidade seus livros favoritos. Aos 4 anos, ele é o dono da carteirinha de sócio nº 2 do Instituto de Leitura Quindim (ILQ), espaço dedicado à literatura infanto-juvenil que completou 100 dias de funcionamento em Caxias do Sul na última semana. Idealizado pelos escritores Volnei Canônica e Roger Mello, o instituto abriga uma biblioteca com mais de 5 mil títulos em português, espanhol, inglês e até mesmo árabe, russo e mandarim — um acervo escolhido cuidadosamente, repleto de clássicos e obras premiadas.

Foi a partir do Quindim que o contato com as palavras se tornou um hábito para o pequeno Yohan — incentivado desde cedo pelos pais, Cassiana e Ricardo Dini. Mesmo ainda não sendo alfabetizado, o menino já devorou dezenas de livros. O resultado não poderia ser diferente: além de desenvolver a capacidade de concentração, Yohan demonstra familiaridade com números e letras — e já consegue soletrar o próprio nome.

— Antes, ele acordava e pedia pra ver desenho. Agora, ele mesmo pede pra gente ler. Nossa intenção é essa: que a leitura se torne algo natural pra ele, sem o peso de ser uma tarefa — afirma Ricardo.

Para além do desenvolvimento cognitivo, o hábito da leitura carrega outras vantagens: uma delas é o fortalecimento de laços afetivos. Segundo Cassiana, o trio vive momentos divertidos e lúdicos na sede do Quindim.

— Para nós são momentos de afetividade, porque conseguimos passar um tempo de qualidade juntos. E o ambiente deixa o Yohan muito à vontade. Ele mesmo escolhe os livros que quer levar para casa — destaca a mãe.

Ocupando o andar térreo do Centro Cultural Moinho da Cascata, no bairro Santa Catarina, a biblioteca do Quindim foi pensada justamente para aproximar as crianças do universo mágico dos livros. O mobiliário, assinado pela arquiteta Jéssica De Carli, deixa todos os exemplares ao alcance dos pequenos leitores.

CONHEÇA O QUINDIM:
:: Endereço:
Centro Cultural Moinho da Cascata (Rua Luiz Covolan, 2820), em Caxias do Sul.
:: Funcionamento: de quarta a sexta, das 10h às 17h; aos finais de semana, das 13h às 18h.
:: Retirada: até 15 livros por sócio, mediante cadastro gratuito com documento de identidade e comprovante de endereço.
:: Contato: pelo telefone (54) 3028-8192 e (54) 3028-8194.

Variedade impulsiona o público

 CAXIAS DO SUL, RS, BRASIL 28/11/2018Volnei Canônica, diretor do Instituto de Leitura Quindim, intalado no moinho da Cascata em Caxias do Sul. (Felipe Nyland/Agência RBS)
Volnei Canônica comemora adesão da comunidade ao Instituto de Leitura QuindimFoto: Felipe Nyland / Agencia RBS

Com 80 sócios cadastrados, entre crianças e adolescentes, o Instituto de Leitura Quindim (ILQ) emprestou mais de 800 livros nos primeiros 100 dias de funcionamento. A inscrição na biblioteca é gratuita — basta um documento de identidade e comprovante de residência.

Com a carteirinha em mãos, os sócios podem levar até 15 exemplares para casa. Conforme o presidente do ILQ, Volnei Canônica, é uma forma de democratizar o acesso aos livros e formar novos leitores:

— Nós ficamos muito felizes por contribuir com a ampliação do acesso à literatura e também por essa possibilidade das famílias se conectarem à infância. Já deu pra perceber que o instituto deu certo e a comunidade de Caxias abraçou a ideia. É um espaço onde as pessoas podem descobrir, pelos livros, outros mundos e outros horizontes.

Canônica também comemora o número de visitantes: mais de 1,2 mil pessoas passaram pelo Moinho da Cascata nos meses de dezembro, janeiro e fevereiro. E o público não foi apenas local. Além de visitantes de cidades como Porto Alegre, Gramado e Bento Gonçalves, o Quindim já recebeu leitores de São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Fortaleza e até mesmo de São Francisco, nos Estados Unidos. Tudo registrado no livro de presença.

— A escolha de termos nossa sede em Caxias do Sul foi justamente pelo potencial que a cidade oferece nas áreas da cultura e do turismo. Estamos num prédio construído em 1905, um lugar que ajuda a contar a história da região, reunindo atividades que proporcionem não só atrações de outros lugares, mas o resgate de valores artísticos locais — destaca o presidente.

Boa parte da adesão da comunidade se deve ao calendário repleto de atrações. Para se ter uma ideia, foram 25 atividades até agora, entre oficinas para crianças e adultos, lançamentos de livros, visitas de escolas, exposições temáticas e espetáculos de teatro. Outro destaque são os encontros do Centro de Estudos e Pesquisas (CEP), que ocorrem duas vezes por mês — uma oportunidade para debater o cenário da literatura infanto juvenil com autores e pesquisadores da área.

Para os próximos dias, a programação do Quindim prevê mais uma edição do projeto Papai e mamãe contam um, dois, três contos, histórias e poemas…, além de um jantar beneficente para arrecadar valores para o instituto e uma mesa de debate sobre as diferentes fases do medo na infância.

Já em abril, o instituto presta uma homenagem ao escritor Monteiro Lobato (1882-1948), com a exposição Sra. Dona Emília de trapo de macela, com curadoria de Rafael Dambros e obras dos artistas caxienses Ilka Filipini, Sharizy Pezzi, Marina Rombaldi, Marina Protchazka e Matheus Montanari. Tudo, é claro, com entrada franca: um convite para o público ocupar cada vez mais o Moinho da Cascata e saborear as atrações que o charmoso rinoceronte amarelo – símbolo do Quindim – oferece.

PRÓXIMAS ATIVIDADES:
Projeto Papai e mamãe contam um, dois, três contos, histórias, poemas…
:: Quando: sábado (23), às 14h.
:: Quanto: entrada gratuita.

Jantar Nhoque da Fortuna
:: Quando:
dia 29 (sexta), às 20h.
:: Onde: Hotel Intercity Caxias (Avenida Therezinha Pauletti Sanvitto, 333).
:: Quanto: ingressos a R$ 50 (o valor arrecadado será revertido para a manutenção do ILQ).

Centro de Estudos e Pesquisas
:: Quando:
dia 30 (sábado), às 9h.
:: Tema do encontro: As diferentes fases do medo na infância, com a psicopedagoga Salete Anderle.
:: Quanto: inscrições a R$ 50.

Leia também:
Saiba o que é áudio drama, formato que tem invadido o mundo dos podcasts
O labirinto da memória: cinco dicas para manter o cérebro afiado
Agenda: Papas da Língua apresenta show comemorativo aos 25 da banda, em Caxias, no dia 30

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros