Nivaldo Pereira: o valor da amizade - Cultura e Tendência - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Opinião08/02/2019 | 14h00Atualizada em 08/02/2019 | 17h36

Nivaldo Pereira: o valor da amizade

O certo é que cada amigo é um pedaço de nós que se ilumina na diferença

Nivaldo Pereira: o valor da amizade Luan Zuchi/
Foto: Luan Zuchi
Nivaldo Pereira
Nivaldo Pereira

nivaldope@uol.com.br

A amizade é uma linda invenção aquariana. Signo social centrado no humanismo e na liberdade, Aquário tem na amizade a melhor expressão de seu próprio ideal de amor: leal, sincero e responsável, mas livre e desapegado. No dizer do poeta Mario Quintana, a amizade é um amor que nunca morre. Talvez por estar – ou assim pretender – acima dos rituais, convenções e cobranças que costumam cercar o amor. O certo é que cada amigo é um pedaço de nós que se ilumina na diferença. E isso é aquariano demais.

Somos seres sociais, mas há diferentes níveis de trocas em nossas relações pessoais. Para além dos parentes, que não escolhemos, teremos conhecidos, parceiros, colegas, e os amigos de fato. Mesmo entre os amigos, vamos identificar amigos de infância, amigos íntimos, amigos do peito... Teremos amigos por conveniência e por interesses comuns. Também amigos que convém não aproximar de outros amigos nossos, tamanha a diferença. Porque o barato é esse: o exercício de reconhecimento, nos outros, de nossa própria complexidade como ser. Por isso, Aquário, signo da diversidade, está sempre aberto a novas amizades.

Leia mais
Nivaldo Pereira: o sal da Terra
Nivaldo Pereira: imagens do amanhã

Em tese, amizade deve ser espaço de tolerância, respeito e liberdade. Nosso espírito cresce e se refina – ficamos mais humanos, enfim – quando nos permitimos ter amigos de diferentes origens, condições sociais, idades, gostos, ideologias, sexualidades e religiões. Teremos mais afinidades com alguns, é claro, e os chamaremos de amigos do coração, mas que não se perca a abertura ao diferente e o respeito às individualidades.

Atualmente, as redes sociais – outra invenção aquariana – abalaram o sentido tradicional da palavra amigo. Ou talvez tenham inaugurado uma nova categoria: o amigo virtual, do Face, do Insta... Nesses espaços de expressão livre de ideias, velhas amizades são fraturadas por divergências de pensamentos. Ok, alguma sintonia sempre será a base de nossas amizades, mas temos a resolver um novo desafio aquariano: como criar um mundo fraterno e atento às diferenças, se a intolerância for o critério definidor de nossas relações.

Eis um bom papo para bons amigos.

Leia também
Como, há 35 anos, a música "Morocha" se tornou uma das maiores polêmicas do tradicionalismo
Veja a programação cultural para este fim de semana

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros